Prefeito fecha CRAS e Nazária vira "um caos", denuncia Osvaldo Bonfim

A denúncia é do prefeito eleito, Osvaldo Bonfim

Depois de não conseguir eleger o seu sucessor, o prefeito do mais novo município do Brasil (Nazária, no Piauí), situado a 20 quilômetros de Teresina, empresário Ubaldo Nogueira (PTB), fechou o CRAS - Centro de Referência da Assistência Social do município, a água e a internet do prédio estão cortadas e já tem aviso de corte de energia. As escolas de Nazária tiveram apenas uma semana de aula nos últimos meses. A denúncia é do prefeito eleito, Osvaldo Bonfim (PT).

“O município já estava ruim, agora, depois que ele viu seu aliado perder, estamos vivendo um caos”, pede socorro Osvaldo Bonfim, que não consegue, nem mesmo, fazer a transição do governo do município.

A equipe de transição não consegue se instalar em Nazária. “Tivemos duas reuniões; efetivamente, com repasse de informações só uma reunião. Nela obtivemos apenas a folha de pessoal e o organograma e pronto”, observa Osvaldo.

Uma das pessoas da equipe de transição conversou com a reportagem, mas só aceitou depois da garantia de que seu nome não seria revelado. “Aqui a coisa está é séria. As pessoas, na prefeitura, são bem claras, só repassam as informações que o prefeito autoriza. Estão indo contra a lei. Sem falar que com o fechamento do CRAS muitas famílias estão perdendo o Bolsa Família e nenhuma providência é adotada. No prédio não tem internet para fazer as comunicações e solucionar. Os cadastros estão suspensos”.

O fechamento do CRAS de Nazária deverá ser comunicado ainda essa semana a Secretaria Estadual de Assistência Social. O prédio foi lacrado há cerca de 15 dias.

O prefeito Ubaldo Nogueira não foi encontrado na Prefeitura de Nazária nessa segunda-feira (21/11), pela manhã e a tarde, para falar sobre o assunto.