Reforma da previdência é discutida em audiência pública em São Francisco de Assis do PI

Com o objetivo de esclarecer sobre a reforma da previdência e suas consequências para os trabalhadores, cerca de 600 pessoas participaram de uma audiência pública realizada na noite desta quarta-feira (19) na cidade de São Francisco de Assis do Piauí.

Simão Oliveira, assessor de políticas sociais da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Piauí (FETAG), fez uma ampla explanação sobre a reforma da previdência.

O evento público contou com a participação de representantes de Sindicatos dos Trabalhadores Rurais de São Francisco de Assis do Piauí, Jacobina, Lagoa do Barro, Simplício Mendes, Polo Sindical de Paulistana, FETAG, Sindicato dos Servidores Públicos do Município, professores, estudantes, Associações de Moradores e trabalhadores e trabalhadoras rurais.

O prefeito de São Francisco de Assis do Piauí Josimar Oliveira (Jó), vereadores e várias lideranças políticas também participaram da audiência pública.

Antes de iniciar a audiência pública, os participantes se concentraram  em frente a Unidade Escolar Professor Vicente Gualberto Ribeiro e de partiram em caminhada usando carro de som, faixa e cartazes e gritando palavras de ordem finalizando no prédio da câmara de vereadores onde foi realizada a audiência. Lá os manifestantes e autoridades manifestaram sua revolta e indignação contra os itens propostos na reforma que altera o atual formato de aposentadoria dos trabalhadores e trabalhadoras.

Foi necessário usar um telão instalado do lado de fora da câmara para que muitas pessoas pudessem acompanhar a audiência, já o prédio do poder legislativo não pode comportar todas as pessoas.

Na grande maioria dos discursos proferidos pelas autoridades foi dito o seguinte lema: “ Quem votar a favor da PEC como está a proposta não receberá votos em 2018 no município”.