Imerp tem papel fundamental no controle e orientação das gestões públicas, diz Amanda Waquim

Jovens advogados lançam o desafio de melhorar as gestões públicas
Jovens advogados lançam o desafio de melhorar as gestões públicas
Evento prestigiado por vários setores
Evento prestigiado por vários setores
Articulado com os poderes públicos
Articulado com os poderes públicos
Amanda:
Amanda:
Presença de ex-gestores, ex-parlamentares e atuais
Presença de ex-gestores, ex-parlamentares e atuais

“As formas e limites de controle da administração focando especialmente na questão da responsabilização dos agentes públicos”, com esse objetivo, inicial afirmado pela presidente do instituto, Amanda Waquim, foi lançado ontem (11) no Restaurante do Sesc, em São Luis, o Instituto Maranhense de Estudos Sobre Responsabilidade Pública (IMERP), que nasce de um pensamento de um grupo de jovens advogados apoio apoiado e incentivado por referências do mundo jurídico maranhense.

De acordo com a presidente do Imerp, “Esse tema é tão importante, pois é um tema com o qual se trabalha diariamente, que se percebe da importância não só por se tratar de administração pública, que é de onde parte o desenvolvimento da sociedade, mas sobretudo, que a gente acredita que só discutindo, construindo conhecimento com relação a administração pública que nós vamos chegar aos tão sonhados dias melhores”, afirmou Amanda Waquim.

Responsabilidade pública foi o tema escolhido pelo Imerp como subtema, pois diante do cenário de inúmeros escândalos de corrupção no país e segundo Amanda, o instituto tem se preocupado com isso, acreditamos que podemos atuar e ser um veículo de alguma forma para aprimorar a administração, pois pensamos que através da educação e debate direto, porém equilibrado poderemos restaurar, pois antes de  sermos operadores do direito somos cidadãos é e exigido para que nos posicionemos, reflitamos e se coloque a disposição da sociedade”, afirmou a presidente do IMERP.

A diretoria do Imerp é composta pelos membros efetivos - presidente: Amanda Almeida Waquim; vice-presidente: Mizzi Gedeon; diretor administrativo: Bertoldo Rego; diretora executiva: Inara Pinheiro Lages; diretor financeiro: Aidil Lucena Carvalho; diretora acadêmica: Jéssica Silva; e diretor institucional: Einstein Sepúlveda – eles foram empossados com o compromisso de cumprir com as prerrogativas do instituto, dentre eles, a produção de conhecimento sem vinculação econômica e atrelada aos interesses da Constituição Federal.

Durante a solenidade de instalação e posse foram entregues certificados aos nove membros honoríficos da instituição e representantes dos Poderes Executivo Estadual e do Judiciário, além do Ministério Público Federal (MPF), que também assumiram compromisso em defesa dos valores da administração pública.

De acordo com a vice-presidente do Imerp, Mizzi Gedeon, a instituição é um novo veículo de informação. “As atividades do instituto [Imerp] estarão diretamente ligadas à produção acadêmica, com a promoção de eventos que instiguem nos jovens universitários sobre a importância do tema administração pública”, frisou.

Eventos

O primeiro compromisso do Imerp, de acordo com a programação oficial, será em outubro deste ano com uma agenda de atividades que incluem menções aos 25 anos da Lei de Improbidade Administrativa. Em dezembro, será organizado o primeiro concurso de artigos jurídicos.