Palestra trata sobre saúde da mulher na Penitenciária Feminina

Dentro da programação do Outubro Rosa, campanha que visa alertar as mulheres para a prevenção a doenças, aconteceu, nesta sexta-feira (21), na Penitenciária Feminina de Teresina, uma roda de conversa sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs). O evento foi promovido pela Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus) e pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesapi), como parte de novo projeto que está sendo desenvolvido pelos dois órgãos, voltado para o planejamento familiar.

Para a reeducanda Ana Cristina Barroso, a iniciativa desenvolvida na unidade prisional é um estímulo para que as mulheres privadas de liberdade no Piauí passem a ter um cuidado maior com sua saúde. “As atividades são muito importantes, porque existem muitas pessoas que não têm conhecimento a respeito dos cuidados necessários com a saúde e sobre como prevenir doenças. Elas podem aprender a cada dia e ficam mais informadas”, afirma.

De acordo com a enfermeira da Penitenciária Feminina, Maria Clara Evangelista, a palestra foi importante e faz parte das ações de fortalecimento da área de saúde prisional. “A nossa proposta é trazer mais esclarecimento sobre saúde as reeducandas, de modo a ajudar na prevenção e, em casos necessário, no tratamento”, explica. O evento contou com a presença de 40 detentas e contou com a colaboração de técnicas de Saúde e Assistência Social da Secretaria de Saúde.

Para a coordenadora de Saúde Prisional da Sesapi, Gisela Brito, a integração entre o órgão e a Secretaria de Justiça é importante para o desenvolvimento efetivo e eficaz do trabalho na parte da saúde nas penitenciárias. “É mais um trabalho que estamos fazendo nas penitenciárias, buscando realizar um trabalho diferenciado com a população mais vulnerável”, pontua.