Gastão Vieira é exonerado do FNDE

 

 

O ex-deputado federal Gastão Vieira (Pros) foi exonerado ontem (20) da presidência do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Para o lugar dele já foi nomeado Silvio Pinheiro, da Bahia, indicado pelo DEM de ACM Neto. Pinheiro já foi secretário de Urbanismo de Salvador e coordenou a campanha do atual prefeito da capital baiana.

Gastão estava no posto desde o fim do governo Dilma. Mesmo com o impeachment e a chegada de Michel Temer (PMDB) ao poder, ele conseguiu se manter no cargo.

Mas sua recente proximidade com o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) – que faz aberta oposição ao governo federal -, acabou pesando na hora de se definir pela troca.

Há duas semanas, Gastão havia feito um duro pronunciamento contra as investidas do senador Roberto Rocha (PSB) – com apoio dos também senadores João Alberto e Edison Lobão, ambos do PMDB – pelo comando do órgão federal.

Segundo noticiou o blog do Gilberto Léda, João Alberto chegou a admitir publicamente que eles pediram a cabeça do ex-deputado ao presidente Michel Temer (PMDB). Durante passagem pela cidade de Colinas, onde vistoriou obras bancadas com recursos do FNDE, Gastão bateu forte nos três senadores.