1. Colunas
  2. Arimatéia Azevedo
  3. Faltou planejamento
Publicidade

Faltou planejamento

Pela manchete do jornal O DIA, de ontem, o governo se queixa ter perdido R$ 79 milhões em repasse do Fundo de Participação do Estado. Só de uma vez. Muita calma nessa hora, pois é preciso que se esclareça: os fundos constitucionais são formados pelo Imposto de Renda (retido na Fonte) e pelo IPI (Imposto de produto industrializado). Ocorre que a partir de junho a Receita Federal começa a devolver os impostos retidos na fonte, o que ocasiona o ‘emagrecimento’ das remessas do dinheiro do FPE nesse mês. Isso é histórico, e não de agora. A diminuição do valor dos repasses começa em junho e segue da mesma forma até dezembro, porque paralelamente a Receita segue restituindo impostos descontados lá no contracheque do contribuinte. Bem diferente do que ocorre nesse período, de janeiro a maio os repasses federais são mais gordos, elevando à estratosfera a quota do Fundo de Participação que terminam fazendo a alegria dos gestores, porque o bolo é maior. Só que eles gastam imediatamente, sem se preocupar em fazer economia tendo em vista o tempo das vacas magras que se apresenta no segundo semestre. O governo, nesse caso, não perdeu nada. Não fez foi se planejar.

Deputada Teresa Britto quer o Gaeco apurando ação de suposta máfia em hospital estadual (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Aguenta, prefeito!

Apesar das aparências e da grande festa de que participou com o governador, nos festejos de Santo Antônio, as coisas não andam muito boas para o prefeito de Campo Maior professor Ribinha. 
Seu colega de partido, o vereador Fernando Miranda, presidente da Câmara de Vereadores, bate nele sem dó e piedade. 
Por conta do lixão a céu aberto da cidade.

Rico nas arábias

É nos diálogos da turma da grilagem em Luís Correia que se sabe que um famoso advogado-empresário-presidente de entidade de classe tem investimentos até na Arábia Saudita.

Delegado forte

Em gravações, em poder do Portal AZ, tem é coisa que compromete muita gente, relacionada à suposta grilagem em Luís Correia. 
Lê-se e ouve-se, por exemplo, que os investigados falam numa ‘assessoria’ que lhes teria prestado um famoso delegado de alta cúpula da Civil, em Teresina. 
Do tipo, orientando-os como prestar depoimentos sobre as acusações contra eles.

Socorro, polícia!

A turma do “Pituíba” volta a atacar nos acessos às pontes Estaiada e da Primavera, na Zona Norte de Teresina.
Os assaltos ocorrem à noite, a partir das 20 horas.

Contornos

Os bandidos ficam de tocaia para assaltar quem usa os contornos para chegar as pontes Estaiada e Primavera. 
Eles fazem passageiros de reféns, assaltam, sem qualquer preocupação com a chegada da polícia.

Território livre

A Polícia por sua vez diz que faz a vigilância na área, mas não é permanente, é móvel, de vez em quando.
A ausência policial transforma aquelas áreas em territórios livres para a ação dos bandidos.

Festa

O deputado federal Paes Landim foi homenageado ontem, em Brasília. Entre os presentes o advogado maranhense Washington Torres. 
Na ocasião, Renata, a presidente do Podemos, convidou Landim para ingressar no partido.

Máfia, onde?

A coisa é pior do que a comissão de deputados imaginava encontrar nos hospitais regionais do Estado. 
A deputada Teresa Britto está anunciando que pedirá ao Gaeco, órgão do Ministério Público, para investigar a existência de suposta máfia no hospital de Campo Maior.
Então deve aproveitar e pedir a extensão da investigação aos demais.

Inocente, é?

Afora o advogado, por receber, certamente, milhões, somente o deputado estadual Júlio Arcoverde, partiu em defesa do senador Ciro Nogueira, réu, por decisão do STF, por organização criminosa. 
Julinho disse que Ciro vai provar sua inocência. Ele diz ainda que Ciro Nogueira está muito tranquilo em relação ao processo e é vítima das ações da Polícia Federal.

Pode isso?

Ontem, com sangramento no pé e todos os documentos em mãos para fazer cirurgia no HUT, um paciente do hospital da Primavera não podia ser deslocado por falta de ambulância. 
Não obstante existir uma parada, à porta do hospital.

Mudança na mesa

A saída de Fábio Novo da Alepi para retornar ao comando da Secretaria de Cultura, também vai mexer na composição da mesa diretora da casa.
A vaga de 1º secretário até então ocupada por Novo será ocupada por Marden Menezes. É
Um membro da oposição com lugar de destaque na casa.

Posse adiada

As posses das suplentes como deputadas na Assembleia Legislativa, Belê Medeiros (Progressistas) e Elisangela Moura (PCdoB), que inicialmente estavam previstas para hoje, ocorrerá somente na próxima segunda-feira.
Pense na aflição, pense.

Diálogo 

O governador Wellington Dias foi recebido pelo coordenador de Infraestrutura do Banco Mundial no Brasil, Paul Procee. Tratou sobre o novo contrato de financiamento que irá acelerar o Programa Emergencial Financeiro. 
Wellington tratou também em Brasilia sobre a securitização e ainda a recuperação e atualização do Fundo de Participação dos Estados, que neste mês de junho sofreu uma queda de 14%.

Ping-Pong 
Juiz pensa que é Deus

O vice-prefeito Marcos Damasceno, PT, conversa com seu primo advogado, sobre o ministro Sérgio Moro e as gravações comprometedoras sobre o processo contra o ex-presidente Lula.

O advogado: “Tem juiz que pensa que é Deus...”
Damasceno: “E os ministros do STF e os desembargadores têm certeza que o são!”

Expressas 

Primeiro bispo de Bom Jesus, Dom José Vázquez Díaz dá nome ao prédio do novo fórum do Tribunal de Justiça da cidade, a ser inaugurado amanhã.

A Prefeitura de Teresina deu início a reconstrução e recuperação das casas do Parque Rodoviário que foram atingidas pela enxurrada no último mês de abril.

Começa a funcionar a partir desse sábado (15), o Corredor Sul II, que abrange a Avenida Prefeito Wall Ferraz, na zona Sul.

Em Teresina, até maio deste ano, quase 3 mil testes foram realizados nas maternidades municipais, que mantém postos fixos de segunda a sexta-feira.  

Pela manchete do jornal O DIA, de ontem, o governo se queixa ter perdido R$ 79 milhões em repasse do Fundo de Participação do Estado. Só de uma vez. Muita calma nessa hora, pois é preciso que se esclareça: os fundos constitucionais são formados pelo Imposto de Renda (retido na Fonte) e pelo IPI (Imposto de produto industrializado). Ocorre que a partir de junho a Receita Federal começa a devolver os impostos retidos na fonte, o que ocasiona o ‘emagrecimento’ das remessas do dinheiro do FPE nesse mês. Isso é histórico, e não de agora. A diminuição do valor dos repasses começa em junho e segue da mesma forma até dezembro, porque paralelamente a Receita segue restituindo impostos descontados lá no contracheque do contribuinte. Bem diferente do que ocorre nesse período, de janeiro a maio os repasses federais são mais gordos, elevando à estratosfera a quota do Fundo de Participação que terminam fazendo a alegria dos gestores, porque o bolo é maior. Só que eles gastam imediatamente, sem se preocupar em fazer economia tendo em vista o tempo das vacas magras que se apresenta no segundo semestre. O governo, nesse caso, não perdeu nada. Não fez foi se planejar.

Deputada Teresa Britto quer o Gaeco apurando ação de suposta máfia em hospital estadual (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Aguenta, prefeito!

Apesar das aparências e da grande festa de que participou com o governador, nos festejos de Santo Antônio, as coisas não andam muito boas para o prefeito de Campo Maior professor Ribinha. 
Seu colega de partido, o vereador Fernando Miranda, presidente da Câmara de Vereadores, bate nele sem dó e piedade. 
Por conta do lixão a céu aberto da cidade.

Rico nas arábias

É nos diálogos da turma da grilagem em Luís Correia que se sabe que um famoso advogado-empresário-presidente de entidade de classe tem investimentos até na Arábia Saudita.

Delegado forte

Em gravações, em poder do Portal AZ, tem é coisa que compromete muita gente, relacionada à suposta grilagem em Luís Correia. 
Lê-se e ouve-se, por exemplo, que os investigados falam numa ‘assessoria’ que lhes teria prestado um famoso delegado de alta cúpula da Civil, em Teresina. 
Do tipo, orientando-os como prestar depoimentos sobre as acusações contra eles.

Socorro, polícia!

A turma do “Pituíba” volta a atacar nos acessos às pontes Estaiada e da Primavera, na Zona Norte de Teresina.
Os assaltos ocorrem à noite, a partir das 20 horas.

Contornos

Os bandidos ficam de tocaia para assaltar quem usa os contornos para chegar as pontes Estaiada e Primavera. 
Eles fazem passageiros de reféns, assaltam, sem qualquer preocupação com a chegada da polícia.

Território livre

A Polícia por sua vez diz que faz a vigilância na área, mas não é permanente, é móvel, de vez em quando.
A ausência policial transforma aquelas áreas em territórios livres para a ação dos bandidos.

Festa

O deputado federal Paes Landim foi homenageado ontem, em Brasília. Entre os presentes o advogado maranhense Washington Torres. 
Na ocasião, Renata, a presidente do Podemos, convidou Landim para ingressar no partido.

Máfia, onde?

A coisa é pior do que a comissão de deputados imaginava encontrar nos hospitais regionais do Estado. 
A deputada Teresa Britto está anunciando que pedirá ao Gaeco, órgão do Ministério Público, para investigar a existência de suposta máfia no hospital de Campo Maior.
Então deve aproveitar e pedir a extensão da investigação aos demais.

Inocente, é?

Afora o advogado, por receber, certamente, milhões, somente o deputado estadual Júlio Arcoverde, partiu em defesa do senador Ciro Nogueira, réu, por decisão do STF, por organização criminosa. 
Julinho disse que Ciro vai provar sua inocência. Ele diz ainda que Ciro Nogueira está muito tranquilo em relação ao processo e é vítima das ações da Polícia Federal.

Pode isso?

Ontem, com sangramento no pé e todos os documentos em mãos para fazer cirurgia no HUT, um paciente do hospital da Primavera não podia ser deslocado por falta de ambulância. 
Não obstante existir uma parada, à porta do hospital.

Mudança na mesa

A saída de Fábio Novo da Alepi para retornar ao comando da Secretaria de Cultura, também vai mexer na composição da mesa diretora da casa.
A vaga de 1º secretário até então ocupada por Novo será ocupada por Marden Menezes. É
Um membro da oposição com lugar de destaque na casa.

Posse adiada

As posses das suplentes como deputadas na Assembleia Legislativa, Belê Medeiros (Progressistas) e Elisangela Moura (PCdoB), que inicialmente estavam previstas para hoje, ocorrerá somente na próxima segunda-feira.
Pense na aflição, pense.

Diálogo 

O governador Wellington Dias foi recebido pelo coordenador de Infraestrutura do Banco Mundial no Brasil, Paul Procee. Tratou sobre o novo contrato de financiamento que irá acelerar o Programa Emergencial Financeiro. 
Wellington tratou também em Brasilia sobre a securitização e ainda a recuperação e atualização do Fundo de Participação dos Estados, que neste mês de junho sofreu uma queda de 14%.

Ping-Pong 
Juiz pensa que é Deus

O vice-prefeito Marcos Damasceno, PT, conversa com seu primo advogado, sobre o ministro Sérgio Moro e as gravações comprometedoras sobre o processo contra o ex-presidente Lula.

O advogado: “Tem juiz que pensa que é Deus...”
Damasceno: “E os ministros do STF e os desembargadores têm certeza que o são!”

Expressas 

Primeiro bispo de Bom Jesus, Dom José Vázquez Díaz dá nome ao prédio do novo fórum do Tribunal de Justiça da cidade, a ser inaugurado amanhã.

A Prefeitura de Teresina deu início a reconstrução e recuperação das casas do Parque Rodoviário que foram atingidas pela enxurrada no último mês de abril.

Começa a funcionar a partir desse sábado (15), o Corredor Sul II, que abrange a Avenida Prefeito Wall Ferraz, na zona Sul.

Em Teresina, até maio deste ano, quase 3 mil testes foram realizados nas maternidades municipais, que mantém postos fixos de segunda a sexta-feira.  

Calma, ainda há obstáculos! A reviravolta e a repercussão

Mais lidas desse blog