RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

Fundação Cepro e IBGE divulgam PIB dos municípios piauienses

16/12/2008 • 16:45

A Fundação Centro de Pesquisas Econômicas e Sociais do Piauí (Cepro) e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) divulgaram nesta terça-feira, 16, a avaliação do Produto Interno Bruto (PIB) 2006 dos municípios piauienses. O superintendente da Cepro, Oscar de Barros, e o supervisor de informações do IBGE, Pedro Soares, apresentaram os números. 

No ano de 2006, pela ótica do PIB, os cinco maiores municípios foram Teresina, Parnaíba, Picos, Uruçuí e Floriano. Segundo a pesquisa, em relação a agropecuária em 2006 os cinco maiores municípios foram Uruçuí, Baixa Grande do Ribeiro, Teresina, União e Sebastião Leal. Já em relação à indústria em 2006 os cinco maiores municípios foram Teresina, Parnaíba, Fronteiras, Guadalupe e Picos. Enquanto isso, em relação aos serviços em 2006 os cinco maiores municípios foram Teresina, Parnaíba, Picos, Uruçuí e Floriano.

Os menores municípios, pela ótica do PIB, foram Santo Antônio dos Milagres, São Miguel da Baixa Grande, Olho d'Água do Piauí, Lagoinha do Piauí e São Luís do Piauí. Em relação ao PIB per capita em 2006 os cinco maiores municípios foram Uruçuí, Fronteiras, Sebastião Leal, Guadalupe e Teresina. Os menores municípios, pela ótica do PIB, per capita foram Guaribas, Dom Inocêncio, Várzea Branca, São João do Arraial e Betânia do Piauí.

De acordo com o supervisor de informações do IBGE, Pedro Soares, o PIB é apenas um estudo macroeconômico que focaliza a situação de cada município, mas ele ressaltou que não é correto afirmar que o melhor PIB significa melhor qualidade de vida para a população.

O superintendente da Cepro, Oscar de Barros, disse que o PIB de Teresina já foi maior, mas quase 50% da riqueza produzida ainda está na capital do Piauí. Já a cidade de Fronteiras, por conta de uma indústria de cimento continua na sua posição. Ele acrescentou que o Governo do Piauí opera para que melhore a situação em Guaribas e em outros municípios. “A tônica do governo é de empreendedorismo nos municípios ricos ou pobres”, enfatiza. Os números do PIB 2006 nos municípios piauienses estão no link.

  • Comentários

  • Facebook

COMENTE

Seja o primeiro a comentar

Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014