RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

Construção civil e comércio puxam geração de empregos no Piauí

24/07/2012 • 12:00
O setor de construção civil foi o que mais gerou emprego nos últimos doze meses no Piauí, mas também foi o que mais demitiu. Foram 31.482 contratações para 28.447 demissões, de acordo com números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), departamento do Ministério do Trabalho e Emprego responsável pelo acompanhamento da movimentação no mercado de trabalho no Brasil.



Ao longo de um ano, foram criados 3.036 novos postos de trabalho com carteira assinada na construção civil, crescimento de 10,25% em relação a igual do período do ano passado. O alto número de demissões acontece porque o trabalhador do setor muda constantemente de obra e de contratante. Apesar dos recuos registrados ao longo dos últimos meses, o setor ainda é o que mais contrata em todo o país. No Piauí, a retomada e o início de obras do Governo contribuíram para o resultado positivo.

O setor de serviço foi o segundo que mais contratou. Foram 28.044 contratações e 25.171 demissões e um saldo positivo de 2.873 novas vagas. O crescimento em relação a igual período do ano anterior foi de 3,22%.

O comércio, que aparece em terceiro lugar na geração de empregos no Piauí, também apresenta uma taxa muito alta de rotatividade. Em um ano, o setor fez 27.692 contratações e 25.383 demissões, com saldo positivo de 2.309 postos de trabalho e crescimento de 3,23%.

Em um ano o setor de maior crescimento, segundo o Caged, foi o de agropecuária. Foram 9.361 contratações e 7.823 demissões, com saldo positivo de 1.528 novas vagas e crescimento de 18,89%.

O setor de extrativa mineral, apesar da pouca quantidade de empregados, também tem apresentado um bom desempenho, registrando no período de um ano crescimento de 16,15%. Com o trabalho, hoje se restringe basicamente a pesquisas, foram 389 admissões e 284 demissões, com um saldo positivo de 108 novas vagas.

Fonte: CCOM
  • Comentários

  • Facebook

COMENTE

Seja o primeiro a comentar

Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014