Homepage
RSS
Twitter

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

Mapa convoca aprovados no concurso para agente de inspeção

26/12/2007 • 22:30

Após três meses de polêmica, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) publicou nesta quarta-feira a convocação dos selecionados no concurso com 354 vagas para agente de inspeção sanitária. No entanto, este resultado pode ser invalidado. O Ministério Público Federal (MPF) no Mato Grosso pediu na Justiça a anulação de todas as avaliações realizadas no processo seletivo. Isso porque, após uma confusão no dia de aplicação das provas objetivas, o Mapa realizou outro teste, apenas para pessoas com deficiência. Para o MPF, a decisão fere o princípio da igualdade de condições no concurso público.

A convocação do Mapa foi publicada na página 2 da seção 2 do Diário Oficial da União desta quarta-feira (26 de dezembro). Foram chamados selecionados nos estados de São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul e Distrito Federal. Os convocados devem apresentar a relação de documentos listados abaixo, em data que ainda será marcada pelo Mapa. Entre os dias 2 e 11 de janeiro de 2008, os aprovados também devem realizar a escolha das vagas. Para isso, é preciso acessar nesse período o site www.agricultura.gov.br e clicar no banner CGRH- Agente de Inspeção.

No último dia 21, o Mapa divulgou o resultado final das provas aplicadas apenas para pessoas com deficiência. As avaliações foram realizadas separadamente porque, no dia 2 de setembro, data de aplicação das provas, pelo menos 30 candidatos com deficiência não conseguiram entrar no Centro de Educação de Jovens e Adultos (Cesas). Os nomes não constavam na lista da organizadora do processo seletivo. O problema gerou tumulto e prejudicou os demais inscritos.

Após a confusão, apenas a prova para 6.732 candidatos com deficiência foi reaplicada. O MPF, no entanto, alega que todas as avaliações teriam que ser refeitas, já que as provas devem ser iguais para todos os concorrentes. O órgão alega também que a separação dos testes fere o princípio constitucional da isonomia. O MPF chegou a pedir a anulação ao Mapa mas, como não foi atendido, ajuizou Ação Civil Pública no último dia 7. A Justiça federal ainda não decidiu sobre o assunto.

Relação de exames médicos
1. Eletrocardiograma, com laudo;
2. Hemograma completo com contagem de plaquetas;
3. Glicemia em jejum;
4. Lipidograma Total (colesterol fracionado e triglicérides);
5. Transaminase oxalacética e pirúvica;
6. Sorologia para lues (VDRL);
7. Sorologia para Chagas;
8. Grupo Sanguíneo e fator RH;
9. Urina rotina (EAS);
10. Parasitológico de fezes;
11. laudo de sanidade mental emitido por psiquiatra
12. P.S.A- somente para homens (idade acima de 45 anos);
13. Raio-X de tporax em PA-com laudo;
14. Parecer oftalmológico com acuidade visual;
15. Parecer otorrinolaringológico com audiometria.

  • Comentários

  • Facebook

COMENTE

Seja o primeiro a comentar

Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014