Palmeiras vai à Conmebol para tentar reduzir pena de Felipe Melo na Libertadores

Volante, que além de suspenso está machucado, só poderá voltar a jogar em uma eventual semifinal. Reunião no Paraguai será no dia 23

Representantes do Palmeiras vão na semana que vem à Conmebol para tentar reduzir a pena aplicada pelo Tribunal de Disciplina a Felipe Melo. A reunião será no dia 23, na sede da confederação sul-americana, em Assunção, no Paraguai.

O volante foi suspenso por seis jogos da Libertadores após acertar um soco em Matías Mier, do Peñarol, no jogo disputado no Uruguai pela fase de grupos. Assim, só poderá voltar a jogar no torneio em uma eventual semifinal.

Melo está se recuperando de uma cirurgia na mão esquerda e de uma lesão na coxa direita, sofridas no sábado passado, diante do Fluminense – a previsão de retorno é de seis semanas.
 
Além disso, o tribunal da entidade deixou o Palmeiras sem torcida visitante por três jogos, além de uma multa de US$ 80 mil dólares (cerca de R$ 250,7 mil).

O clube vai apresentar os argumentos que enviou ao Comitê de Apelação, órgão que pode reformar a decisão do Tribunal de Disciplina.

Mais lidas nesse momento