Homepage
RSS
Twitter

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

De volta ao Piauí, judoca Benito Mussolini mira Olimpíadas 2016

31/07/2014 • 07:43
Por Antônio Fontes

Um sobrenome pouco comum e um raro talento dentro dos tatames. Assim pode ser descrito de maneira sucinta o judoca Benito Mussolini Alvarenga Bastos Neto, ou apenas Benito Mussolini. O atleta que começou a praticar judô aos seis anos, aos poucos busca entrar na melhor forma que o consagrou como o “ditador dos tatames”.

(Benito segue rotina de treinos com foco nas Olimpíadas 2016, no Rio de Janeiro / Foto: Reprodução)

Benito já foi campeão das Olimpíadas Universitárias em 2009, categoria até 66kg, a mesma que o consagrou no cenário local e nacional e que garantiu a ele o direito de representar o Brasil por duas vezes no Mundial Sub-20. Antes de Sarah Menezes despontar dos tatames do Piauí para o mundo, Mussolini era a principal referência do judô no Estado. O currículo evidencia isso. O judoca acumula quatro títulos pan-americanos, dois sul-americanos e 11 brasileiros – todos na categoria de base.

Após seis anos na Bahia, depois de uma saída polêmica do Piauí, muita coisa mudou. Benito subiu de categoria e no retorno à terra natal, busca uma vaga na seleção brasileira de judô na categoria leve (até 73 kg). Aparentemente nocauteado por um desses graves reveses que atravessam o destino, Benito enfrentou a desilusão profunda e a paralisia gerada pela quase total falta de perspectiva e por vezes pensou em desistir.

Mussolini apresentou problemas na região lombar, o que foi apontado como motivo para ele encerrar a carreira. Em 2011, quando ainda residia na Bahia, o judoca chegou a anunciar aposentadoria depois da faculdade que defendia cortar o patrocínio da equipe. Mas para a felicidade dos amantes do esporte e, sobretudo do judô, o atleta parece ter ganho a motivação que faltava para reencontrar o caminho do topo do pódio e o foco é a vaga na seleção olímpica em 2016.

“A proposta foi essa, voltar exatamente para as Olimpíadas 2016. Estou fazendo o meu máximo e tenho treinado bastante. Vou começar o Jiu-jitsu para ajudar no judô. O foco vai ser conseguir classificar para o Brasileiro e então seletiva no fim do ano para quem saber entrar na seleção e conseguir ranquear para as Olimpíadas 2016” – destaca Benito.
  • Comentários

  • Facebook

COMENTE

Seja o primeiro a comentar

Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014