RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563
Busca
publicidade

Ku Klux Klan obtém autorização para protesto pró-bandeira confederada

30/06/2015 • 11:25
O grupo supremacista branco Ku Klux Klan recebeu o aval de autoridades do Estado da Carolina do Sul para realizar uma manifestação a favor da bandeira confederada na capital do Estado, informou um jornal na segunda-feira (29), menos de duas semanas depois que um homem branco matou nove pessoas em uma igreja frequentada por negros. http://s2.glbimg.com/No_6q1pQJKyvmuAFWFgpTsWMI7U=/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2015/06/22/000_ref41271.jpg O suspeito no ataque a tiros à igreja, Dylann Roof, de 21 anos, confessou o assassinato. Ele havia anteriormente publicado um manifesto racista online, bem como fotos posando com uma bandeira confederada, bandeira do período da Guerra Civil nos Estados Unidas associada com a escravidão e considerada um símbolo de opressão racista. O tiroteio de 17 de junho, em que todas as nove vítimas eram negras, causou forte impacto nos Estados Unidos e levou a pedidos de que a Carolina do Sul pare de exibir a bandeira confederada na sede do governo. A governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley, pediu a remoção da bandeira, e disse ao Post Courier que ela não endossa a realização da manifestação pela Ku Klux Klan. Mas, de acordo com o jornal, o Conselho de Controle e Orçamento da Carolina do Sul aprovou um pedido apresentado pelo grupo "Leais Cavaleiros Brancos", da Ku Klux Klan, para a manifestação em 18 de julho em favor da bandeira. Com raízes que remontam à Guerra Civil Americana, a Ku Klux Klan é conhecida por suas roupas brancas e capuzes pontiagudos e por seus atos de violência e intimidação contra os afro-americanos, incluindo queima de cruzes e assassinatos. G1
  • Comentários

  • Facebook

COMENTE

Seja o primeiro a comentar

Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO
* Por favor, digite as duas palavras abaixo no campo indicado.
Esse procedimento garante a autenticidade da sua mensagem, obrigado!

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2015