William Bonner diz que vai parar de usar o Twitter

Apresentador e editor chefe do "Jornal Nacional", William Bonner disse na noite desta quinta-feira que não deve mais postar mensagens na sua conta no Twitter.

"E daí que tenho que abrir mão de alguma coisa. Não será da minha família, não será do meu trabalho. Sobrou o tempo do twitter...."

O jornalista disse que não está na bancada do telejornal hoje por causa de dor nas costas. Essa seria uma das razões para ele deixar o seu microblog, que tem mais de 515 mil seguidores.

Nas mensagens, ele diz que pretende voltar no ano que vem a "tuitar".

Leia as mensagens de despedida postadas por Bonner hoje

Estão todos guardados no meu chip reservado a experiências inesquecivelmente ricas e prazerosas. Inté, tropa! Tenhamos todos BOAS NOITES.

Esqueçam teorias conspiratórias. Divirtam-se muito. E torçam, os já saudosos, para que o tio consiga voltar depois dos desafios de 2010.

Fátima se diverte comigi aqui. A Globo entendeu meu twitter como algo saudável. Trabalhamos juntos na ajuda a Niterói, por exemplo. Então?

E daí que tenho que abrir mão de alguma coisa. Não será da minha família, não será do meu trabalho. Sobrou o tempo do twitter....

Hoje, deitado nesse quarto, dores terríveis, vi que não há como protelar a retomada dos exercícios. E não há como retomá-los assim. E daí?

Simplesmente não tenho cumprido o protocolo de exercícios prescrito em outubro de 2007 para me proteger de uma hérnia discal.Falta de tempo.

Estou deitado na cama, bolsa de água quente nas costas, medicado com corticóides, sem condição de sair de casa. Algum palpite do porquê?

Agora teremos Copa e Eleições - e vocês não imaginam o quanto isso nos absorve a cada 4 anos. E hoje, quinta, estou onde? Alguém palpita?

Experimentei o twitter num intervalo de minha vida profissional: depois de escrever um livro, antes da trabalheira danada de 2010.

Quem não gostou me deu unfollow. Quem gostou me deu o prêmio de melhor do mundo e meio milhão de sobrinhos. Mas isso teve seu tempo.

Em 10 meses, mostrei aqui uma face que só amigos, colegas mais próximos conheciam. Expus isso em muitas entrevistas. E me expus, beincalhão.

O twitter é um universo absurdamente cativante. Quem não se viciou que me desminta. E eu mergulhei nisso intensamente. Salto ornamental.

É que já pesquei pelo menos 3 teorias conspiratórias entre as mensagens. E são ridículas, como costumam ser as teorias conspiratórias.

Peraí. Voltei. Mas é rapidinho.

E, então, me despeço: até breve, até logo, até já. Divirtam-se com juízo. Mas divirtam-se, que é pra isso que esse troço serve, afinal.

Digo MUITO, MUITO OBRIGADO! De verdade e de coração.

Pela paciência com que aguardaram desfechos de histórias intermináveis desse tio flooder assumido - e pelas amizades construídas por aqui...

Pelas risadas e sorrisos silenciosos que me proporcionaram, pelas manifestações de carinho que aglutinaram seguidores e me revigoraram.

Senhoras e senhores, 140 caracteres ou mais de sua atenção para o agradecimento mais profundo e sincero do Twitter (worldwide).

Mais lidas nesse momento