Polícia é acionada para retirar posseiros de projeto em Nazária

A invasão de terras no projeto Cinturão Verde, em Nazária, se transformou em caso de polícia. Ontem (29), o diretor da Associação de Pequenos Produtores do Contrato 2 da Morada Nova, Josias Marques, denunciou na delegacia do Idoso, em Teresina, que os agricultores estão sendo ameaçados por pelos grileiros José Vieira e Raimundo Batista, conhecido como Filho. Ele esteve no gabinete do deputado João de Deus (PT) em busca de apoio.

“Eles não são agricultores. Cercaram a área e ameaçaram os trabalhadores rurais dizendo que se alguém entrasse nas terras teria sangue. Já registrei queixa na delegacia de Nazária e agora também em Teresina. No dia 8 de maio os agricultores do projeto vão acampar no local e queremos o apoio policial para retirar as cercas. O deputado João de Deus sempre nos apoiou na região e agora também queremos que ele intervenha nesse caso”, declarou.

João de Deus disse que recebeu a informação de que a terra está em nome da associação desde 2007 e reconhecido pelo Incra. O parlamentar garantiu apoio aos trabalhadores rurais, afirmando que “se eles ocuparam antes a região não é agora que serão expulsos dessa forma. Vamos encaminhar pedido para uma solução pacífica”.

Mais lidas nesse momento