Construtoras finalizam nova etapa do Porto de Luís Correia

CCOM

As construtoras que compõem o consórcio responsável pelas obras do Porto de Luís Correia finalizaram mais uma etapa de estruturação da obra. Todas as 336 estacas necessárias para a sustentação dos 200 metros do porto foram cravadas antes do prazo no cronograma inicial.

“Essa é a parte mais importante da obra. Agora, com a conclusão dessa etapa, iniciamos o processo de concretagem das estacas. Prevemos que até o dia 15 de janeiro de 2011 estará finalizada”, informa a secretária estadual dos Transportes, Norma Sales.

A última etapa da primeira fase será iniciada no início de 2011. O projeto inclui o alargamento do cais, que passará de 12 para 16 metros, e no reforço de sua estrutura, o que vai permitir a operação com navios de até 70 mil toneladas.

“A segunda etapa, que também já foi iniciada paralelamente, dá conta do reforço do cais. Nela, iremos substituir estruturas metálicas que estejam desgastadas. Essa fase é de grande importância, pois reforça as laterais do porto, onde os navios atracam”, disse Norma Sales.

A previsão é que os trabalhos da segunda fase do projeto estejam concluídos até o mês de julho de 2011. Esse será o passo para o início da terceira etapa da conclusão da estrutura do Porto de Luís Correia.

“No terceiro momento, estaremos focados na infraestrutura do porto como um todo. Para tal, conseguimos recursos do PAC 2 e já estamos estruturando o projeto e o cronograma de repasses dos recursos do governo Federal para o Piauí”, garante a secretária dos Transportes.

O Porto de Luís Correia integrará o projeto da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) do Piauí, que abrirá as portas do Estado para o comércio internacional, principalmente de insumos agrícolas.

“O porto vai reforçar o crescimento do comércio do Piauí. Teremos mais uma modalidade de transporte e, assim, importações e exportações facilitadas. A comunicação com os outros estados do Brasil também será incrementada”, analisa Norma Soles.

Mais lidas nesse momento