Homepage
RSS
Twitter

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

Guindaste retira carreta para resgatar mortos na estrada de Caxias

21/10/2008 • 16:57

Por Ana Cândida Martins, Leilane Nunes, Patrícia Costa Fotos: Dantércio Cardoso



Atualizada às 19h52

Os mortos:

- Adriana da Cruz Lima, 25
- Ana Lília Bandeira, 29
- Mauro César de Oliveira Alves, 33
- José Gomes Silva Neto, motorista da van
- Alzireide Batista, 27 anos
- Carlota Carvalho, 34 anos

Confira a lista dos pacientes que sofreram fraturas e deram entrada no Hospital de Urgências de Teresina Dr. Zenon Rocha

-Marilene Andrade Nunes, 30 anos - foi atendida e liberada em seguida
-Tiago Sabóia Pereira, 27 anos - foi atendido e transferido para hospital particular
-Luís Toscano, 32 - foi atendido na ala de urgência e transferido para hospital particular
-Cássia Poliana Pires, 24 anos - atendida e liberada em seguida
-Kyara Vieira de Freitas, 31 - está em observação 
-Joelma Freitas de Oliveira, 26 anos - está em observação 
-Stanlei Costa Silva, 31 anos - teve fratura na perna e está em observação

Atualizada às 19h34

Segundo informações do delegado Sebastião Wagner Bezerra, da Central de Flagrantes de Timon, o motorista do caminhão Valdemar Alves Neto, 45 anos, foi encaminhado para fazer o exame toxicológico, que deve constatar se o motorista consumiu drogas ou sob efeito de medicamentos geralmente usados por caminhoneiros para mantê-los acordados. Ele ainda deve ser atuado e encaminhado para o 3° distrito policial de Timon.

O acidente ocorreu por volta das 13h30min da tarde. Os trabalhos de resgate prosseguem com ajuda de lanternas e um guindaste para ajudar a retirar a van que ficou embaixo do caminhão.

A van ainda não tinha placa. O veículo estava com menos de uma semana de uso.

Segundo o policial rodoviário federal Linaldo, o motorista do caminhão de transportes fez o teste do bafômetro, mas não acusou teor alcoólico.

Atualizada às 19h14
Os trabalhos de resgate ate o momento prosseguem, com ajuda de lanternas e um guindaste para ajudar a retirar a Van que ficou embaixo do caminhão.

A Van ainda não tinha placa, o veículo estava com menos de uma semana de uso.

Segundo o policial rodoviário federal, Linaldo, o motorista do caminhão de transportes, fez o teste do bafômetro, mas não acusou teor alcoólico.


Atualizada às 18h51

Segundo funcionários do DNIT  que trabalhavam no local do acidente, o motorista da carreta teria provocado a colisão. Valdemar Alves Neto conduzia uma carreta  de placa GVE 1681, da cidade de Teófilo Otoni (MG). Ele teria passado em alta velocidade, provocando batidas na van e em mais quatro veículos: um Celta, cujos ocupantes não sofreram lesões; uma L-200,  com os dois ocupantes gravemente feridos; um Gol, com duas pessoas com ferimentos leves; e um caminhão baú do Comercial Carvalho. Os veículos estavam todos parados, esperando a sinalização dos funcionários do DNIT para poderem prosseguir viagem.

A equipe de resgate acaba de retirar um corpo e mais quatro pessoas feridas de dentro das ferragens da van. Existe uma previsão de que 12 passageiros estivessem ocupando a van. Os feridos já estão sendo encaminhados para hospitais de Teresina e Timon. 

O motorista foi preso e levado para a Central de Flagrantes de Timon. 

O guindaste está no local, fazendo a retirada da carreta. Aguarde mais informações!


Atualizada às 18h 33

Os policiais rodoviários federais do Posto de Caxias têm dificuldades de comunicação com os agentes que foram deslocados para o local do acidente. Os rádios não estão funcionando, nem tão pouco os orelhões e aparelhos celulares. 

Um guindaste foi enviado para o local e já começou a retirar a carreta de cima da van. Seis ambulâncias do SAMU e do Corpo de Bombeiros prestam socorro. As vítimas serão retiradas logo após a retirada da carreta. Os feridos serão transferidos para Teresina, já que o local do acidente está mais próximo da capital piauiense.

Atualizada às 17h21

O acidente aconteceu na BR-316 na altura do KM-595, próximo ao Portal da Amazônia, entre uma carreta e uma van com funcionários do fórum e do Ministério Público de Caxias, de acordo com o correspondente do Portal AZ em Timon, Elias Lacerda. As informações da posto da Polícia Rodoviária Federal de Caxias é de que a carreta tombou por cima da van, amassando a mesma. O número de mortos segundo o Corpo de Bombeiros de Teresina chegava a dezesseis por volta das 16h30 da tarde. Existem pessoas presas às ferragens e equipes do Corpo de Bombeiros de Teresina trabalham para removê-las com vida. Uma equipe de reportagem do Portal AZ está no local.


Atualizada às 16h45


O acidente envolveu duas vans e um ônibus. As primeiras informações é de que o acidente matou 16 pessoas. Os bombeiros tiveram que mandar mais equipes devido a gravidade do cidente. Muitas pessoas estão presas às ferragens e correm risco de morte. 

Van com passageiros bate na saída de Timon e deixa feridos graves
Uma van que transportava passageiros no sentido Timon - Caxias. Equipes do Cropo de Bombeiros foram deslocados para o local e as primeiras informações é de que existem mortos e feridos presos nas ferragens. A ocorrência foi registrada no Corpo de Bombeiros às 15h10, que deslocou equipes de resgate e incêndio para o local.














  • Comentários

  • Facebook

lucas

postado:
06/10/2009 - 02:15
e uma tristesa que da medo.

Prof. César Campelo

postado:
22/10/2008 - 16:41
Lamento pela brusca separação de jovens tão promissores e cheios de vontade de crescer profissionalmente, em especial Alzimeire com quem tive a oportunidade de conviver na qualidade de professor.

Danyelle Liberal

postado:
22/10/2008 - 15:20
...eu vinha da Caxias para Teresina e a culpa não foi do motorista do caminhão coisa nenhuma,a culpa foi da falta de sinalização que deveria ter desde pelo menos 1 km antes da área interditada...Se for pra culpar o sr. Valdemar(motorista)pq não culpar tmb o motorista do 1º carro que freiou bruscamente???Pela lei o da frente na sequência de uma batida é o responsável seja qual for a quantidade de carros...ou mudou???Pôxa,vamos esperar o laudo...ele não tava drogado e sem nenhuma alteração no sangue...o culpado tmb pode tá morto...ninguém sabe..esperem...

anderson

postado:
22/10/2008 - 12:59
sou estudante, e tb ando nessas vans tres vezes por semanas, é horrivel conviver com isso, vamos todos rezar por akeles q nao resistiram e pedir a deus q abeçoe tds nos...

Francisco Lopes

postado:
22/10/2008 - 10:48
Nos de Palmas – TO estamos comovidos com o acidente trágico ocorrido por imprudência de motorista e por perder nossa amiga Alzimeire Batista Miranda no qual foi colega se serviço no governo estadual do Estado do Tocantins

postado:
22/10/2008 - 08:44
Não dianta ter equipamento sem conhecimento de como empregá-lo, pois o que se ver é a demora no resgate das vítimas. Os PRF, quando estão na estrada ´so querem saber da atualização da placa do veículo e só de "carro pequeno". Porque será? não tem nehum equipamento para medir velocidade ou outras irregularidade!!!

jose filho

postado:
22/10/2008 - 07:19
é uma falta de respeito de camionheiro com os carro pequeno eles se acham os dona da estrada é pois e que são inprodente é asacino da estrada .pedimos +fiscalização nestes maginais da estradas.

Sandreane

postado:
21/10/2008 - 23:38
Gente!!Que coisa feia informar q 16 pessoas morre ram sem ter certeza!!Issso é muito grave!!Vcs nã pensam nos familiares do povo acidentado.Por favor, dêem informações verídicas.

Fábio Soares da Costa

postado:
21/10/2008 - 23:02
É uma pena que temos que conviver com estas notícias. Trabalho em Caxias como Professor e viajo 4 vezes por semana e confesso que cada vez que deixo minha família em casa tenho muito medo do que possa acontecer nesta estrada. São flagrantes os casos de imprudência de motoristas. Lamento pelas vítimas e vamos todos rezar para que cada vez menos notícias como estas tenhamos que ler.

Mário

postado:
21/10/2008 - 22:55
É inadmissível que o acidente tendo ocorrido às 13h30m ainda não se tenha conseguido içar a carreta e remover as pessoas que ainda estão na van. É por falta de experiencia (ou competencia) dos orgãos responsaveis por um fato como esse em lidar com a crise. A ação tem que ser rápida, pois há vidas humanas que ainda podem ser preservadas.

Antonio Carlos Pires Ferreira Filho

postado:
21/10/2008 - 21:45
Por favor gente, não façam isso, não comentem noticias que não tenham certeza!!!!! Minha Irmã Cassia Polyanna Nascimento Pires estava na Van e relatou coisas do acidente e de tudo, quantas pessoas vinham na Van que vocês estão divulgando errado, por favor!!!!!!!!

carlos

postado:
21/10/2008 - 21:13
essas constantes tragédias são consequência dos PRF´s preguiçosos e corruptos de Caxias. Suplicamos à Polícia Federal que intervenha!

Maria

postado:
21/10/2008 - 20:58
gostaria de informar que os pacientes estão indo ao HUT... colhi essa informação em outros sites. "O HUT divulgou os nomes dos feridos: Marilene Andrade Nunes, de 30 anos, que foi atendida e liberada; Tiago Sabóia Pereira, de 27 anos, atendido e depois levado para um hospital particular por decisão da família; Luiz Tiscano, de 32 anos, que está internado e em observação; Cássia Poliana Pires, de 24 anos, que está em observação; Rayara Vieira Freitas, de 31 anos, que estava realizando exames durante a noite; e Joelma Freitas de Oliveira, de 26 anos, em observação pelos médicos. "

guilhermemarinoni@hotmail.com

postado:
21/10/2008 - 20:38
os nomes???????

Juliana

postado:
21/10/2008 - 19:03
POR FAVOR, INFORMAÇÕES!!!!!!!!!!!!!! NÃO DIGAM QUE TD MUNDO MORREU SEM TER CERTEZA!
Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014