RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563
Busca
publicidade

Médico envolvido em acidente na BR 343 ganha liberdade e deixa quartel

03/07/2012 • 13:47
Por Anselmo Moura
Fotos: Dantércio Cardoso


O médico Marcelo Martins de Moura já está em liberdade. Ele deixou o quartel do Corpo de Bombeiros de Teresina, local onde estava preso desde o dia 21 de junho, por volta das 13h desta terça-feira (3). Ele é acusado de provocar o acidente na BR 343 que vitimou cinco pessoas da mesma família.



O habeas corpus concedido pelo desembargador Raimundo Nonato da Costa Alencar foi julgado na 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Piauí, que decidiu pela liberdade do médico.

O advogado de Marcelo Martins de Moura, Ezequiel Cassiano, afirma que para ter direito à liberdade, o médico deverá cumprir uma série de condições, entre elas, de não poder se ausentar de casa no período da noite, não poder deixar a cidade de Teresina sem comunicar a Justiça e o profissional da área de saúde está proibido de dirigir até que o processo seja transitado e julgado.



Ezequiel Cassiano denúncia que Marcelo Martins estaria sofrendo ameaças. “A família do meu cliente me procurou e falou que estariam rolando burburinhos na cidade de que estariam planejando algo contra ele. Por isso pedimos ao capitão Fábio Abreu o apoio da RONE para que nada acontecesse com o meu cliente”.

A defesa de Marcelo Martins afirma ainda que o médico irá retomar suas atividades normalmente. O médico permaneceu preso durante mais de 20 dias. Ele deixou o quartel do Corpo de Bombeiros no carro de seu advogado. O veículo foi escoltado por uma viatura da RONE.

O acidente aconteceu na madrugada do dia 9 de junho, entre as cidades de Altos e Campo Maior. O médico retornava de um show e bateu seu veículo, uma caminhonete Hillux de frente com um Fiat Siena, provocando a morte de cinco pessoas. Marcelo Martins de Moura estaria dirigindo embriagado.

Veja fotos da soltura de Marcelo Martins de Moura:



(Oficial de Justiça chega ao quartel do Corpo de Bombeiros com o alvará se soltura do médico)

(Oficial do Corpo de Bombeiros recebe a decisão judicial e inicia os procedimentos legais para a soltura do acusado)


(Marcelo Martins deixa a sala onde estava preso e se encaminha ao carro que o levará para casa)


(Homens do Corpo de Bombeiros tentam evitar que sejam feitas imagens do médico)


(Acompanhado de seu advogado, o médico se prepara para deixar o quartel do Corpo de Bombeiros)


(Marcelo Martins entra no carro do advogado Ezequiel Cassiano)


(Médico ganha liberdade e deixa o local onde estava preso desde o dia 21 de junho)
  • Comentários

  • Facebook

vilemar pires soares

postado:
03/07/2012 - 22:32
Eu queria saber se os falecidos fosse da familia do advogado ele iria soltar esse assassino ???????????

analucia

postado:
03/07/2012 - 15:39
E o doutorzinho está solto. Para matar mais quantos?
Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO
* Por favor, digite as duas palavras abaixo no campo indicado.
Esse procedimento garante a autenticidade da sua mensagem, obrigado!

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2015