Acusado de explosões a bancos no Piauí é encontrado morto na BR 316

A polícia considera que, pelo estado do corpo, a morte tenha ocorrido há pelo menos três dias

Um corpo encontrado às margens da BR 316, entre Teresina e Demerval Lobão, nessa sexta-feira (15), foi identificado como sendo do acusado de assaltos a bancos, José Neldo da Silva, de 57 anos, natural de Porção de Pedras (MA).

Investigações da Polícia Civil apontam que ele já havia sido preso por assaltos e depois libertado. Nos assaltos, de acordo com informações, ele era acusado de explosões a bancos no Piauí, Maranhão e também no Pará.

O corpo de José Neldo estava em decomposição avançada. A identificação somente foi possível com a documentação encontrada no bolso. A polícia considera que, pelo estado do corpo, a morte tenha ocorrido há pelo menos três dias.

Segundo informações, o corpo foi encontrado nas proximidades da penitenciária Irmão Guido, na BR-316. A polícia faz agora a investigação para apurar a causa da morte.

Mais lidas nesse momento