Contra crise, governo anuncia demissões e fim do aluguel dos carros de luxo

O Governo do Estado recomendou aos integrantes de primeiro e segundo escalões a troca dos carrões de luxo alugados por carros mais simples, populares. “O aluguel de uma pick-up Hilux custa mais de R$ 5 mil. Enquanto que se você aluga um carro popular, esse valor cai para mil reais”, informou o secretário de Governo, Tadeu Maia.

Em meio a uma séria crise econômica, o governo anuncia uma série de medidas para reduzir despesas. A principal delas é a redução da frota dos carros alugados e a substituição das caminhonetas por carros populares. “Uma pasta com atuação apenas em Teresina, pode sim usar um carro menor, que funcionará da mesma forma”, justificou Tadeu Maia.

O governo também está disposto a demitir os servidores terceirizados naqueles órgãos onde há excesso. “Nós vamos avaliar cada situação para decidir como serão os cortes. O funcionamento dos órgãos não pode ser prejudicado”, disse o secretário de Governo.

O governador Wilson Martins solicitou de dada integrante da equipe um relatório completo sobre a situação em cada pasta. O documento deverá ser entregue até essa sexta-feira, 30. O governador quer conhecer os gastos de cada órgão com pessoal, contratos e aluguel de carros.

Mais lidas nesse momento