Promotores são enviados à Barras para fiscalizar eleição

O último comício dos candidatos que concorrem à eleição suplementar para prefeito da cidade de Barras, no próximo domingo, ocorreu ontem à noite (29). O clima é de acirramento político, no entanto, não houve registro de violência na delegacia, mas a polícia ainda sim, teve que trabalhar no sentido de conter cabos eleitorais que chegaram a discutir.

Uma parte do reforço da Polícia Militar já está na cidade e devem ser enviados mais quatro agentes da Polícia Civil e auxilio de promotores de Justiça. O delegado especial, Mauro André Miranda, já está na Comarca para dar apoio na delegacia.

“Até o momento não houve nenhuma ocorrência com violência tendo conotação eleitoral. O que há são discussões entre cabos eleitorais, mas que a polícia está conseguindo conter no momento. Vamos receber mais um reforço para garantir a tranquilidade durante a votação” disse o delegado especial.

Quanto a Justiça, o procurador regional eleitoral no Piauí, Marco Aurélio Adão, designou, os promotores Francisco Túlio Ciarnili Mendes (40ª Zona Eleitoral – Fronteiras/PI) e Maurício Gomes de Sousa (53ª Zona Eleitoral – Cocal/PI) para atuarem em auxílio à promotora eleitoral titular da 6ª Zona Eleitoral - Barras/PI, Maria do Amparo de Sousa, na condução das eleições suplementares.
O procurador eleitoral tomou essa medida preventiva em razão do clima de instabilidade e acirramento da disputa política que tomou conta do município. Os promotores auxiliares irão colaborar com o Ministério Público Eleitoral em Barras de forma voluntária e sem ônus para a Administração Pública.

A eleição suplementar no município de Barras acontece no domingo 02 de maio. Os candidatos são; Chico Marques (PMDB) que aparece com 52.67% das intenções de votos contra 32.67% do candidato Joaquim Lucas (PTB) em pesquisa do Data AZ divulgada no último dia 07 de abril.

Mais lidas nesse momento