Vice-prefeito e três vereadores têm mandatos cassados pelo TRE

Em sessão de julgamento desta terça-feira (31), o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) decretou a perda do mandato eletivo de Salvador Pinheiro e Silva, vice-prefeito de Palmeira do Piauí, por infidelidade partidária. O pedido de decretação de perda de cargo do político pelo Ministério Público Eleitoral.



Salvador Pinheiro e Silva deixou o Partido Reformador Trabalhista Brasileiro (PRTB) e se filiou ao Partido Republicano Progressista (PRP) sem justa causa. O relator do processo foi o juiz Agrimar Rodrigues de Araújo

Na mesma sessão, o TRE decretou a perda dos cargos eletivos dos vereadores José Duruteu de Barros Filho, de Massapê do Piauí, João Maurício Ribeiro Lustosa, de Tanque do Piauí, e Francisco Itamar dos Reis, de Lagoa do Sítio. Todos eles foram cassados por infidelidade partidária.

José Duruteu deixou o PT e foi para o PSB, João Maurício Ribeiro Lustosa desfiliou-se do PTB e migrou para o PT, e Francisco Itamar dos Reis saiu do PSB e filiou-se ao PT.

Fonte: TRE-PI
Foto: Dantércio Cardoso

Mais lidas nesse momento