Themístocles diz que Firmino Filho não tem condições para ser candidato em 2018

O presidente da Alepi disse ainda que o prefeito tem histórico de traição e tratar mal as pessoas

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho, chamou o prefeito Firmino Filho (PSDB) de “ditador”, “truculento”, e afirmou que o prefeito não tem condições políticas de se candidatar a nada em 2018. Em entrevista á TV Meio Norte, o presidente regional do PMDB disse ainda que o prefeito da capital só cumpre acordos em benefícios dele próprio.

Themístocles Filho (Foto: Portal AZ)
Themístocles Filho (Foto: Portal AZ)

O prefeito Firmino Filho e a base aliada associa a derrota do prefeito para Jeová Alencar na Câmara Municipal de Teresina ao apoio do deputado Themístocles Filho. Firmino Filho chegou a afirmar que a atitude do presidente da Alepi foi desrespeitosa e covarde, o que não o deixaria com outra opção a não ser o rompimento da parceria entre os dois.

Firmino chegou a afirma ainda que a possibilidade dele colocar seu nome para a candidatura ao governo do Estado é real. Já o deputado Themístocles Filho disse que a chance de Firmino ser candidato é zero.

“Olha se ele tinha todas as possibilidades do tempo de Mão Santa, pintou a cara e traiu e foi para braços de Hugo Napoleão, imagine agora. Ele tem esse histórico de traição e de tratar mal, de não respeitar as pessoas”, diz Themístocles Filho.

O presidente da Alepi lembrou ainda que Firmino Filho venceu as eleições para prefeito com a diferença de cinco mil votos. De acordo com Themístocles, se o prefeito tivesse indo para o segundo turno, o Doutor Pessoa (PSD) venceria as eleições.

“Nós fomos e ajudamos, mas não recebi dele e nem perdi nenhuma secretaria antecipada. Ele simplesmente quis dar e colocar o Mauro Tapety em uma secretaria, mas nós não aceitamos.  Compromisso político se faz depois das eleições. Se hoje ele é prefeito da capital é graças ao povo, que votou, mas também ao PMDB que deu a sua participação decisiva ou então o prefeito seria o Doutor Pessoa. Isso não é posição de quem que ser candidato a governador”, afirma Themístocles.

Questionado como tem sido o tratamento do prefeito Firmino Filho para com o PMDB, Themístocles disse que foi duas vezes à Prefeitura e que o secretário Charles da Silveira ligou para o deputado João Mádison pediu para que ele não fosse mais ao Palácio da Cidade.

“Veja como é pequeno. Então não vejo Firmino como candidato, ele não é candidato a coisa nenhuma, a nada. O Firmino ligou pra mim e pediu para que o vereador Zé Nito não comparecesse na votação na Câmara Municipal de Teresina, e eu disse que cada vereador é independente para votar como quiser“, declara.

Ainda durante entrevista, Themístocles afirmou que Firmino só não tira Luís Júnior do cargo de vice-prefeito, por que ele não pode. “O que o Firmino tem de pequeno ele tem de ditador”, o deputado ainda disse que Firmino é mentiroso e já sabia da mudança do regimento interno na Câmara Municipal de Teresina. “Essa mudança de regimento aconteceu em agosto e Firmino já sabia. Ele mentiu e Jeová Alencar só não teve unanimidade por que Firmino lá de Barcelona ligou diversas vezes para pressionar os vereadores, esta é a verdade”, fala.

Mais lidas nesse momento