Homepage
RSS
Twitter

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca
publicidade

Procurador eleitoral sugere a retirada da campanha ‘THE Amo’

03/08/2012 • 21:21
O procurador eleitoral Alexandre Assunção sugeriu que a promotora de Justiça Clotildes Carvalho, no cargo de promotora eleitoral de Teresina, entre com ação para retirar do ar, por decisão judicial, a campanha ‘THE Amo’, alegando que as letras da forma que estão postas representam campanha indireta do candidato Beto Rego, do PSB.

A campanha THE Amo foi produzida pela Coordenação de Comunicação do Estado para homenagear Teresina no aniversário da capital. Segundo o Portal AZ apurou, o procurador alega que o The Amo é propaganda subliminar do candidato Beto Rego, do PSB, partido do governador Wilson Martins.

O Portal AZ não localizou nem a promotora Clotildes Carvalho e nem o coordenador de comunicação do Governo, Fenelon Rocha, para repercutir a sugestão do procurador Assunção.

Uma fonte do governo garante que a propaganda do THE AMO, simbolizada nas letras gigantes que estão espalhadas pelas praças e avenidas da cidade, foi criada pelo jornalista Fenelon Rocha em agosto do ano passado, para justamente homenagear a capital.
  • Comentários

  • Facebook

Giselda Silva

postado:
04/08/2012 - 11:06
Interessante a esperteza do Fenelon...Olhem as cores do THE AMO:vermelho e amarelo,as cores do PSB!O partido do Beto Rêgo!Por que o Fenelon não colocou a cor verde,pois Teresina é conhecida como cidade verde?Esse Fenelon...uma vez "pefelê",sempre "pefelê"!

roniely rodrigues gomes

postado:
04/08/2012 - 08:49
O engraçado é eles falam que nao tem nada a ver com a campnha do Beto Rego mais as cores da propaganda THE AMO, sao as cores do partido do governador......
Últimas Notícias
próximo anterior veja mais notícias
COMPARTILHE COM AMIGOS
ENVIE SEU COMENTÁRIO

Os comentários feitos por leitores são de inteira responsabilidade de seus autores.
O Portal AZ não responde pelo conteúdo postado nesse espaço.

portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2014