Depois da ameaça de greve, secretário anuncia ações emergenciais em hospital

Florentino Neto, visitou a unidade de saúde e anunciou as providências que estão sendo tomadas e ainda a entrega de equipamentos e mobiliários

O secretário estadual de Saúde, Florentino Neto, visitou o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, no final da tarde deste domingo (10/12) e anunciou as providências que já estão sendo tomadas para reparar as instalações físicas da Central de Processamentos de Dados (CPD) e ainda a entrega de equipamentos e mobiliários para as devidas readequações do espaço, que fora atingido por um princípio de incêndio.

Hospital de Floriano( Sesapi)
Hospital de Floriano( Sesapi)

Ainda ontem, os médicos do hospital ameaçarem greve por tempo indeterminado em protesto contra a falta de estrutura. Logo na manhã desta segunda-feira, (11/12), Florentino se reúne com as equipes da unidade, do Núcleo de Infraestrutura da Saúde (NIS) e da Vigilância Sanitária, para que seja definido um cronograma para execução das ações emergenciais.

“O hospital está funcionando normalmente, sem nenhum outro problema, sem nenhuma anormalidade. Vamos resolver alguns problemas, que são pontuais”, afirmou Florentino, esclarecendo que, por conta de um curto-circuito na sala de refrigeração da CPD, houve um princípio de incêndio naquela área, que fica próxima a uma das enfermarias.

“Não tivemos nenhum problema com nossos pacientes, aos nossos usuários”, ressaltou o secretário, que constatou que as medidas tomadas pela direção “foram condizentes com que é preconizado pelas normas de segurança”, diz.

Cerca de 20 pacientes, além de acompanhantes e funcionários, foram removidos para a parte externa do Hospital, num local aberto, ventilado e que oferecia mais segurança.

Ao se reunir com as equipes dos NIS e da Vigilância Sanitária, nesta segunda-feira no hospital, o secretário vai anunciar “as obras que executaremos pontualmente, para resolvermos os problemas que foram ocasionados a sala de CPD e em uma enfermaria, anunciar a entrega de novos equipamentos para o CPD e além disso para que seja providenciada uma revisão em todo sistema elétrico e lógica”, garantiu.

Aumento do teto financeiro

O secretário Florentino Neto também informou sobre o aumento no teto financeiro do Hospital Regional, o que vai suprir as dificuldades que a unidade enfrenta, principalmente pela abertura de novos serviços que ainda não foram habilitados pelo Ministério da Saúde.

“Todos os Hospitais são geridos com base no faturamento de recursos de média e alta complexidade e ainda de recursos são transferidos do Tesouro Estadual. Aqui, nós tivemos dificuldades adicionais em razão dos serviços que foram implantados e que ainda não foram habilitados. Junto com a direção e com o prefeito Joel Rodrigues, nós estamos buscando uma forma de solucionar esses problemas, para que a gente possa suprir as dificuldades que o hospital sofre hoje, em razão de ter vários serviços em funcionamento e que ainda não foram habilitados pelo Ministério da Saúde”, explica.

Florentino ressaltou também que “o hospital presta serviço além do limite financeiro, que efetivamente ele fatura. Já estivemos essa semana com o prefeito Joel Rodrigues, aprovamos na Comissão Intergestora Bipartite(CIB) um aumento do teto financeiro em Floriano para suprir essas dificuldades”, afirmou, garantindo ainda o pleno funcionamento da unidade para assistência aos usuários daquela região.

Mais lidas nesse momento