RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563
Busca

Detentas reapresentam espetáculo no Theatro 4 de Setembro nesta quinta

24/05/2016 • 16:57
Da redação do Portal AZ

As reeducandas da Penitenciária Feminina de Teresina reapresentarão, nesta quinta-feira (25), às 19h30, no Theatro 4 de Setembro, o espetáculo teatral Cartas de Minha Vida. A peça faz parte do projeto de ressocialização Mulheres de Aço e de Flores, desenvolvido há mais de um ano na unidade e que conta, hoje, com a participação de 82 mulheres privadas de liberdade.


 
Cartas de Minha Vida foi idealizado e é dirigido pelo artista plástico e ator Valdsom Braga, coordenador do projeto Mulheres de Aço e de Flores. O espetáculo faz alusão à vida da pintora mexicana Frida Kahlo, através do na encenação e dos relatos narrativos sobre as experiências de vida das mulheres privadas de liberdade no sistema prisional.


 
"Temos alcançado excelentes resultados com o projeto, ao trabalhar a cultura teatral como instrumento de transformação social. Pela arte, mostramos que é possível mudar a vida das pessoas, desenvolver valores éticos na educação e na realidade social dessas mulheres", destaca Valdsom Braga.


 
Para o secretário de Justiça do Estado, Daniel Oliveira, "o poder que o teatro exerce no processo de ressocialização é constatado através das reeducandas, que no palco contracenam uma história, e nos espectadores, que se envolvem com a história narrada. O que o projeto busca mostrar é que, embora se esteja privado de liberdade em um presídio, os sonhos e o desejo de mudança permanecem livres".


 
Os ingressos para a peça Cartas de Minha Vida estão sendo vendidos na sede da Secretaria de Justiça do Piauí, que fica no Centro Administrativo do Estado, e no Theatro 4 de Setembro ao valor de R$ 20. A renda obtida com o espetáculo, organizado pelo ator Valdsom Braga com apoio da Sejus, será destinada a reforçar os projetos de ressocialização que são desenvolvidos na Penitenciária Feminina.

Margareth Menezes é atração da 15ª Parada da Diversidade

24/05/2016 • 09:58
Da Redação do Portal AZ

A cantora baiana Margareth Menezes é quem vai animar a 15ª edição da Parada da Diversidade, que acontece no dia 12 de junho, na Avenida Raul Lopes. O evento, que já faz parte do calendário cultural de Teresina, reuniu mais de 100 mil pessoas no ano passado, e é uma realização do Grupo Matizes, com apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Cultura e Prefeitura de Teresina.


Nesta segunda-feira (23), a coordenadora do grupo Matizes, Marinalva Santana, se reuniu com o secretário estadual de Cultura, Fábio Novo, e com o prefeito de Teresina, Firmino Filho. Durante a reunião, que aconteceu na sede da SDU Leste, ficou garantido o apoio da Prefeitura à Parada.

“Este ano a Parada vem com uma nova data e nós também queremos que o evento seja prestigiado por todas as mulheres que estarão aqui participando do Seminário Nacional de Mulheres Lésbicas e Bissexuais (Senalesbi). Além disso, o 12 de junho é uma data simbólica para se celebrar o amor. Nós esperamos que toda a sociedade teresinense participe, assim como a população do interior, que costuma vir nas caravanas”, diz Marinalva Santana.


Para o secretário estadual de Cultura, Fábio Novo, a Parada da Diversidade e a Semana do Orgulho de Ser já são eventos grandiosos, que celebram a igualdade e o fim do preconceito. “E mais uma vez a Secretaria de Cultura vai apoiar a realização. No ano passado tivemos um grande público com o show da cantora Vanessa da Mata e acreditamos que nesse ano o sucesso vai se repetir”, afirma Fábio Novo.

Carreira


Durante sua trajetória, Margareth Menezes lançou dez álbuns de estúdio, três álbuns ao vivo e um acústico. Em seus primeiros álbuns, ela se consagrou como a "diva do afropop". O primeiro single da cantora, ainda lançado no formato LP, foi "Faraó (Divindade do Egito)", com Djalma Oliveira, o primeiro samba-reggae gravado no Brasil que, vendeu mais de cem mil cópias. Seu último trabalho “Para Gil e Caetano” foi lançado em 2015. A cantora tem na bagagem 21 turnês internacionais. Já dividiu o palco com grandes cantores, como Marisa Monte, Caetano Veloso e Gilberto Gil.

Casa da Cultura exibe “Feios, Sujos e Malvados”, de Ettore Scola

23/05/2016 • 15:09
Da redação do Portal AZ

O Clube de Vídeo da Casa da Cultura de Teresina inicia hoje (23) mais um ciclo, desta vez para homenagear o diretor italiano Ettore Scola, falecido em janeiro deste ano. A sessão terá início às 18h30, exibindo o longa “Feios, Sujos e Malvados”, com entrada gratuita.

Casa da Cultura exibe “Feios, Sujos e Malvados”, de Ettore Scola

O novo ciclo de exibição de filmes ficará em cartaz até o dia 04 de julho, apresentando filmes de grande representatividade na carreira do diretor. Ettore é responsável por grandes sucessos do cinema mundial, como “Nós que amávamos tanto” e “Concorrência Desleal”. Após as exibições dos filmes acontecem os debates, que trazem ao público discussões pertinente sobre os principais temas abordados nos filmes.

Nesta primeira sessão o debatedor será Rhuan Piauilino, que falará sobre a trama de “Feios, sujos e malvados”, na qual uma família que vive em condições precárias planeja o assassinato de seu patriarca após ele trazer a amante para morar com eles e esconder uma quantia considerável de dinheiro, que poderia ajudá-los a melhorar de vida.

A Casa da Cultura de Teresina está localizada na Rua Rui Barbosa, nº 348, centro, na Praça Saraiva. É uma instituição mantida pela Prefeitura de Teresina, através da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMCMC).

Cinema Novo ganha prêmio de Melhor Documentário do Festival de Cannes

21/05/2016 • 10:24
O Brasil ganhou seu primeiro prêmio no 69º Festival de Cannes. O documentário Cinema Novo, de Eryk Rocha, acaba de ganhar o L´Oeil d´Or, o prêmio de Melhor Documentário do festival. O filme é um ensaio sobre o movimento cinematográfico que revolucionou o cinema nacional nos 1960 e pôs o nome do Brasil em festivais internacionais. Em 1964, Deus e Diabo na Terra do Sol, Vidas Secas e Ganga Zumba representaram o Brasil no Festival de Cannes.

Cinema Novo é um apanhado de imagens dos filmes, entre clássicos e obscuros, com imagens de arquivos, muitas nunca vistas antes, de seus principais diretores, com Glauber Rocha, Cacá Diegues, Nelson Pereira dos Santos, Ruy Guerra, Paulo Cesar Saraceni, Joaquim Pedro de Andrade e vários outros. O filme foi exibido na mostra Cannes Classics.

 Cena de Cinema Novo, premiado no Festival de Cannes / Divulgação

O prêmio de documentário foi instituído no ano passado. O presidente do júri foi o italiano Gianfranco Rosi, que ganhou o Urso de Ouro em Berlim este ano e o Leão de Ouro em Veneza, há dois anos.

Jornal do Commercio

Palácio da música recebe show em homenagem ao Djavan

18/05/2016 • 09:38
Da Redação do Portal AZ

Nessa sexta-feira, dia 20 de maio, às 20h, o Palácio da Música recebe o cantor e compositor piauiense Wilseff Lago com o show Flor de Lis; um especial em homenagem ao Djavan. O espetáculo passeia pelos grandes sucessos do artista nacional e faz uma releitura de composições que conquistaram o mundo.


O músico é um dos grandes influentes na carreira de Wilseff Lago, que iniciou no cenário da MPB depois de conhecer o trabalho do artista nacional. Com 23 discos lançados, Djavan conquista todos os públicos e se consagra como um dos cantores mais populares do cenário musical. Suas músicas já foram também trilhas sonoras de várias novelas.

Para o cantor piauiense, interpretar a obra desse artista tão versátil é um grande privilégio e desafio. “Djavan passeia por vários estilos da música popular brasileira. Ele vai do samba ao jazz. Por isso, é um dos artistas mais completos do Brasil”, destaca Wilseff.

Flor de Lis, uma das músicas mais conhecidas de Djavan, faz parte do repertório e dá nome ao show. Sucessos como Oceano, Linha do Equador, Eu te devoro e Sina também animarão o público. A noite, traz também os músicos Livio Nascimento nas guitarras, Bruno Moreno na bateria e Robinho Gigante no contrabaixo.

Hoje, Wilseff Lago está entre os melhores músicos do Piauí e o show Flor de Lis reunirá grandes canções e uma das mais belas vozes masculinas do estado. Wilseff traz na bagagem 16 anos de carreira e experiência na música, com apresentações em festivais locais como Boca da Noite e Chapadão, além de cidades vizinhas e nas casas de shows de Teresina.

Os ingressos para o show Flor de Lis estão à venda no Palácio da Música, que fica localizado na rua Santa Luzia, 1241 – Centro-Sul.
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2016