RSS
Twitter
WhatsApp do Portal AZ86 9981.8563
Busca

Sarah Menezes conquista prata no Masters de Judô em Guadalajara

27/05/2016 • 19:42
Por Jade Araújo



Antes de iniciar as disputas do Jogos Olímpicos de 2016 a atleta campeã Sarah Menezes fez seu último desafio no Word Masters nesta sexta-feira (27). Já na primeira luta, Sarah enfrentou a mexicana Edna Carillo e com um ippon a piauiense venceu a mexicana se classificando para as quartas-de-finais da competição. Na sequência a campeã olímpica conseguiu vencer a cubana Dayaris Mestre Alvarez ao pontuar com 1 wazari e forças a cubana a cometer 4 shidos. Assim Sarah Menezes seguiu para semifinal do Word Master. Com 1 wazari, 3 yukos, Sarah Menezes venceu a turca Dilara Lokmanhekim indo para a final da competição.

Na final, Sarah Menezes enfrentou a Ami Kondo do Japão. Na final a atleta campeã olímpica sofreu imobilização Érika Miranda (52kg) foi a única brasileira a chegar ao quadro final ao lado de Sarah. A atleta disputou o bronze com Annabelle Euranie, da França. Outros brasileiros entraram no tatame na tarde desta sexta, mas não chegaram a conquistar medalhas. Agora Sarah Menezes segue com os treinamentos e aguarda convocação para os Jogos Olímpicos do Rio 2016.

No sábado (28) mais brasileiros entram no tatame. Mariana Silva (63kg), Maria Portela (70kg), Alex Pombo (73kg) e Victor Penalber (81kg) buscam a medalha no segundo dia de competições. Já no domingo, último dia de competição, Mayra Aguiar (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg), no feminino, e Tiago Camilo (90kg), Rafael Buzacarini (100kg), Luciano Corrêa (100kg), David Moura (+100kg) e Rafael Silva (+100kg) encerram a campanha brasileira no Masters de Guadalajara.

O Master de Judô segue até o domingo (29). A competição é a última do Circuito Mundial da FIJ que conta pontos para o ranking. Como país sede, o Brasil tem 14 vagas garantidas. Os atletas serão anunciados no dia 01 de junho de 2016.

Zagueiro de Altos joga irregular e River pode se tornar campeão

27/05/2016 • 18:11
Da Redação do Portal AZ

O River-PI pode se tornar tricampeão estadual em 2016. Isso deve acontecer porque o zagueiro Vitor Bafana, do time de Altos, foi escalado de forma irregular para o jogo que aconteceu nesta quinta-feira (26).  O jogador deveria esta cumprindo suspensão pelo acúmulo de três cartões amarelos, mas acabou substituindo Leone durante a partida.

 

 

O Tribunal de Justiça Desportiva do Piauí (TJD-PI) deve julgar o caso em breve. Caso jugue favorável como infração à escalação do jogador, o River não precisara disputar a grande final do Campeonato Piauiense com o Altos e se tonará automaticamente o tricampeão estadual.

 
Em coletiva na tarde desta sexta-feira (27), o presidente do Altos, Warton Lacerda, declarou que assumirá o erro, caso o Tribunal jugue favorável ao River. “Temos que ser realista. Caso o tribunal entenda que houve um erro, temos que assumir. A vida não é feita só de acertos, não somos máquinas. À torcida digo que ela é peça fundamental. O time formado há dois anos é, no mínimo, vice-campeão piauiense e com vagas na Copa do Nordeste e Copa do Brasil do próximo ano. Isso é inédito na história do futebol piauiense", disse.

 

No jogo de ontem, o time de Altos venceu por 3x1.

 

Matéria relacionada:                                             

Altos é campeão do 2º turno do Campeonato Piauiense de 2016

RUGBY: Parnaíba entra em campo para semifinal do Nordeste Super XV

27/05/2016 • 16:15
Por Jade Araújo



Depois de vencer todos os jogos da fase classificatória e terminar como primeiro do grupo, o Parnaíba Rugby vem somando mais responsabilidades no Nordeste Super Rugby XV. Neste sábado (28) a equipe entra em campo para jogar contra o Na.For, time que já enfrentou na primeira fase dessa competição e venceu por 30x22. Agora o jogo ganha um drama maior por ser eliminatório.

As duas equipes tem o mesmo estilo de jogo, com boa participação da linha de defesa o que fará a disputa ser mais acirrada. Mesmo com o retorno de alguns atletas, a equipe do Parnaíba tem desfalques de jogadores titulares para a partida, como Raimundo Marques, primeira linha e Junior Sobreiro, scrum-half. Além disso os guerreiros do litoral tiveram pouco tempo de treinamento devido aos lesionados da última partida. Assim, a expectativa dos atletas da equipe é fazer um jogo mostrando a tradicional característica dos guerreiros do litoral: a raça.

“Tivemos um bom tempo para treinar, mas algumas lesões ocorreram no último jogo e conseguimos fazer pouco nos treinamentos. Mas o que fizemos foi tentar melhorar o que ficamos devendo no jogo contra o Amaru. Nossa expectativa é a melhor possível. Sabemos que eles tem uma equipe forte e estão vindo com dois atletas da seleção Brasileira. Vamos depender muito do psicológico. Temos uma equipe forte e com raça. Não vai ser fácil, mas queremos manter o bom retrospecto do rugby piauiense na competição”, afirmou Rafael Souza, jogador do Parnaíba.

Um dos pontos fortes do Parnaíba na competição é a parceria com os atletas do Delta masculino. A equipe de Teresina vem desde o ano passado reforçando o time do litoral e acabaram em 2015 como vice-campeões da competição. Em mais uma não a união da equipe leva eles a pensarem apenas em chegar mais uma vez a final da competição.

“Estamos em ascendência depois dessa parceria. O time tem ganhado bastantes experiência e feito bons jogos. Vamos com tudo para essa semifinal para tentar chegar à final novamente. Eles vem forte, mas nós temos experiência e nossa linha tem feito muitos tries”, afirmou Carlos Marvel, centro do Delta Rugby.

A semifinal do Nordeste Super Rugby XV entre Parnaíba e Ceara Na. For acontece às 18 horas do sábado (28), em Parnaíba, no Estádio Pedro Alelaf.

Sarah Meneses disputa no Masters de Guadalajara nesta sexta-feira

27/05/2016 • 15:38
Da Redação do Portal AZ

A judoca Sarah Menezes disputará nesta sexta-feira (27), o World Masters, última competição antes dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. A campeã olímpica encara o torneio como mais um teste.

Já no primeiro dia de competições, seis atletas do país entrarão em ação. Sarah Menezes e Natália Brígida, na categoria até 48kg, Érika Miranda (52kg) e Rafaela Silva (57kg) representarão no feminino, enquanto Felipe Kitadai e Eric Takabatake, na categoria até 60kg, serão os homens a buscar a medalha.

Sarah Menezes estreia contra Edna Carrillo, do México, enquanto Brígida encara a japonesa Ami Kondo. Por sua vez, Érika Miranda terá pela frente Tsolmon Adiyasambuu, da Mongólia. Completando a participação feminina, Rafaela Silva enfrenta Helene Receveaux, da França.

Ao todo 17 atletas brasileiros participarão do torneio, de um total de 235 judocas de 51 países diferentes, que estarão no México. Após a disputa no México, os melhores de cada categoria estarão garantidos nos Jogos.

Entre os homens, Takabatake debuta diante do francês Walide Khyar, enquanto Kitadai encara o coreano Won Jin Kim. As disputas começam às 13 horas (de Brasília), e as finais se iniciam às 19 horas, também no horário de Brasília.

Posteriormente, no sábado, Mariana Silva (63kg), Maria Portela (70kg), Alex Pombo (73kg) e Victor Penalber (81kg) buscarão a medalha. No domingo, último dia de competição, Mayra Aguiar (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg). Tiago Camilo (90kg), Rafael Buzacarini (100kg), Luciano Corrêa (100kg), David Moura (+100kg) e Rafael Silva (+100kg) encerram a campanha brasileira no Masters de Guadalajara.

Altos é campeão do 2º turno do Campeonato Piauiense de 2016

26/05/2016 • 21:50
Por Jade Araújo*



Altos e River mais uma vez eram protagonistas de um jogo decisivo. Com dois times bem armados as equipes fizeram uma partida estratégica no Estádio Felipão. Jogando dentro de casa, o Altos conseguiu impor seu ritmo e foi melhor mesmo sem a posse de bola. Assim, com a vitória por 3x1, o título do 2º turno do Campeonato Piauiense rendeu a equipe da Terra da Manga a segunda conquista importante em dois anos de história.

Aos 2 minutos o River construiu o primeiro ataque da partida. O meia Júnior Xuxa tocou para Vanderlei que avançou em direção a grande área, chutou, mas a bola desviou no zagueiro Celso. Já o Altos conseguiu ser efetivo em seu primeiro ataque. Aos 6 minutos, Esquerdinha foi derrubado por Rogerio. Falta para o Altos. Aos 7 minutos a cobrança veio com gol. Após cobrança de falta de Jean a bola bateu na barreira e voltou para ele que chutou firme fazendo a bola entrar no canto direito de Dalton. 1x0. Na sequencia o Altos conseguia tomar conta das ações da partida. Aos 14 minutos, Jean foi ao fundo e cruzou para área, Genesis se adiantou aos zagueiros e empurrou para as redes. 2x0. O Altos trocava passes e tinha mais posse de bola. O River que havia começado melhor a partida não conseguia se encontrar após os gols sofridos. Até que aos 24 minutos o juiz marcou pênalti de Celso em Esquerdinha. Na cobrança, Vanderlei chutou fraco e Dida defendeu sem dificuldades. 

Depois do pênalti o River ficou mais no ataque. Aos 28 minutos, cobrança de falta de Toty e Dida defendeu. Assim, o Altos começou a fazer muitas faltas próximo a área e o River tentava chegar nas clássicas bolas paradas. Mas em mais uma chance o Altos foi cirúrgico. Aos 35 minutos, Esquerdinha cobrou falta em direção a grande área, a bola passou por todos e quicou antes de entrar para o fundo da rede de Dalton. Após mais um gol o Altos voltou a tomar conta da partida e passou a trocar passes até o final do primeiro tempo.

No segundo tempo, o River começou melhor. Aos 6 minutos, Esquerdinha cobrou falta e Diego Lira cabeceou para fora. Aos 13 minutos o Altos chega perto ao quarto gol. Após várias tentativas, bola sobrou para Pantico que chutou cruzado de fora da área para defesa de Dalton. O Altos administrava o resultado e o River não dava sinais de que viria para o ataque. Mas aos 19 minutos, o River usou a bola parada a seu favor. Após cobrança de falta de Toty, o atacante Diego Lira cabeceou para o fundo da rede do Altos. 3x1. Na sequência, Junior Xuxa foi substituído por Rafinha, lateral esquerdo. Aos 22 minutos, após contra-ataque, Esquerdinha do Altos chutou de fora da área e bola passou perto. Minutos depois Ricardo Maranhão entrou no Altos para saída do artilheiro do campeonato Genesis. Outra mudança foi a saída do jogador Pantico por Netinho. Assim o Altos ganhou maior volume no meio tentando conter a maior posse de bola do River. Com 20 minutos para o final da partida o Altos passou a administrar o placar e trocava passes em busca do contra-ataque. Os gritos de “é campeão” ecoavam no Estádio Felipão. Com o apito final, Altos comemorou mais um título importante para a equipe.

Agora haverá mais dois jogos. No somatório geral da competição, o River teve melhor pontuação marcando 39 pontos contra 38 marcado pelo Altos. Para decidir o título estadual, o River leva a vantagem de decidir em casa e joga por dois resultados iguais. Os dois jogos para decidir o Campeão Piauiense de 2016, será marcado pela Federação Piauiense de Futebol (FFP).


*Foto: Erica Paz
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. »
portal az - Informação de Verdade
Todos os direitos reservados © 2000 - 2016