1. Blogs
  2. Atualidade Jurídica
  3. Semel - Escolinha Fla vence River e é campeã da Copa Cidade Verde Sub-13 - Termina hoje o prazo para empresas ao simples
Publicidade

Semel - Escolinha Fla vence River e é campeã da Copa Cidade Verde Sub-13 - Termina hoje o prazo para empresas ao simples

A Federação de Futebol do Piauí-FFP, com o apoio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer-SEMEL, realizou neste domingo(14) no estádio Lindolfo Monteiro, A Copa Cidade Verde de Futebol Sub-13. O título de campeã foi da Escolinha do Flamengo, que venceu o River nos pênaltis após o jogo terminar empatado no tempo normal em 2 a 2.

O jogo teve transmissão ao vivo da TV Cidade Verde.

No jogo decisivo, João Vitor, artilheiro do campeonato com 12 gols, colocou o Fla na frente aos 9 minutos de jogo, aproveitando cruzamento da direita. No início do segundo tempo, Arthur aproveitou cobrança de escanteio e ampliou o placar para 2 a 0. 

O River fez mudanças no segundo tempo e conseguiu empatar o jogo. Aos 12 minutos, Bruno cobrou falta no ângulo superior esquerdo do goleiro Luís, que não teve como alcançar. E aos 22 minutos, Pedro recebeu cruzamento da direita e empatou o jogo. 

Nos pênaltis, o goleiro Eric deixou o River em vantagem ao defender a segunda cobrança da Escolinha Fla. Mas Luís Fernando defendeu outras duas cobranças do River e garantiu o título para o time rubro-negro. 

O terceiro lugar é do Fluminense, que empatou no tempo normal a Sociedade Esportiva Garra em 1 a 1 - gols de Ryan para o Garra e Thaylson para o Flu - e venceu a disputa de pênaltis por 4 a 2. 

Destacamos prestigiando o evento: O Diretor presidente da Tv Cidade Verde - Jesus Filho, O secretário Municipal de Esporte e Lazer-Semel - Miguel Rosal e o Sub-Secretário Francinélio, equipe da Semel: Bianor, João Henrique, Robert Henrique, Tera e Evando do dançando na praça, todos os coordenadores da ATI.

Fotos: João Rufino 

Termina hoje o prazo para retorno de pequenas empresas ao Simples

O prazo para que as micro e pequenas empresas (MPE) excluídas do Simples Nacional solicitem retorno ao sistema termina na próxima segunda-feira (15). A orientação consta da Resolução nº 146, do Comitê Gestor do Simples Nacional, da Receita Federal.

O Simples Nacional é regime tributário diferenciado, que reúne, em um único documento de arrecadação, os principais tributos federais, estaduais, municipais e previdenciários devidos às MPEs.

Conforme detalha a resolução, a possibilidade de retorno se aplica a negócios de pequeno porte que tenham sido retirados do sistema em 1º de janeiro de 2018. A outra condição é de que tenham aderido ao Programa Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte optantes pelo Simples Nacional (Pert-SN). É necessário ainda que a MPE não apresente nenhuma das restrições previstas na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006.

De acordo com a lei, não podem aderir ao Simples Nacional, por exemplo, empreendimentos que trabalhem com importação ou fabricação de automóveis e motocicletas. Atacadistas de cigarros, armas de fogo, pólvoras e explosivos também entram na categoria daqueles que não estão habilitados à inscrição.

Foi publicada em 03 de julho de 2019 a Resolução do Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) nº 146, de 26 de junho de 2019, que regulamentou a possibilidade de as empresas excluídas do Simples Nacional em 1º de janeiro de 2018 poderem realizar nova opção por esse regime. A nova opção foi autorizada de forma extraordinária pela Lei Complementar nº 168, publicada em 12 de junho de 2019.

Fonte: Agência Brasil

Pensamento do dia


 

Fonte: Semel - Agência Brasil

A Federação de Futebol do Piauí-FFP, com o apoio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer-SEMEL, realizou neste domingo(14) no estádio Lindolfo Monteiro, A Copa Cidade Verde de Futebol Sub-13. O título de campeã foi da Escolinha do Flamengo, que venceu o River nos pênaltis após o jogo terminar empatado no tempo normal em 2 a 2.

O jogo teve transmissão ao vivo da TV Cidade Verde.

No jogo decisivo, João Vitor, artilheiro do campeonato com 12 gols, colocou o Fla na frente aos 9 minutos de jogo, aproveitando cruzamento da direita. No início do segundo tempo, Arthur aproveitou cobrança de escanteio e ampliou o placar para 2 a 0. 

O River fez mudanças no segundo tempo e conseguiu empatar o jogo. Aos 12 minutos, Bruno cobrou falta no ângulo superior esquerdo do goleiro Luís, que não teve como alcançar. E aos 22 minutos, Pedro recebeu cruzamento da direita e empatou o jogo. 

Nos pênaltis, o goleiro Eric deixou o River em vantagem ao defender a segunda cobrança da Escolinha Fla. Mas Luís Fernando defendeu outras duas cobranças do River e garantiu o título para o time rubro-negro. 

O terceiro lugar é do Fluminense, que empatou no tempo normal a Sociedade Esportiva Garra em 1 a 1 - gols de Ryan para o Garra e Thaylson para o Flu - e venceu a disputa de pênaltis por 4 a 2. 

Destacamos prestigiando o evento: O Diretor presidente da Tv Cidade Verde - Jesus Filho, O secretário Municipal de Esporte e Lazer-Semel - Miguel Rosal e o Sub-Secretário Francinélio, equipe da Semel: Bianor, João Henrique, Robert Henrique, Tera e Evando do dançando na praça, todos os coordenadores da ATI.

Fotos: João Rufino 

Termina hoje o prazo para retorno de pequenas empresas ao Simples

O prazo para que as micro e pequenas empresas (MPE) excluídas do Simples Nacional solicitem retorno ao sistema termina na próxima segunda-feira (15). A orientação consta da Resolução nº 146, do Comitê Gestor do Simples Nacional, da Receita Federal.

O Simples Nacional é regime tributário diferenciado, que reúne, em um único documento de arrecadação, os principais tributos federais, estaduais, municipais e previdenciários devidos às MPEs.

Conforme detalha a resolução, a possibilidade de retorno se aplica a negócios de pequeno porte que tenham sido retirados do sistema em 1º de janeiro de 2018. A outra condição é de que tenham aderido ao Programa Especial de Regularização Tributária das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte optantes pelo Simples Nacional (Pert-SN). É necessário ainda que a MPE não apresente nenhuma das restrições previstas na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006.

De acordo com a lei, não podem aderir ao Simples Nacional, por exemplo, empreendimentos que trabalhem com importação ou fabricação de automóveis e motocicletas. Atacadistas de cigarros, armas de fogo, pólvoras e explosivos também entram na categoria daqueles que não estão habilitados à inscrição.

Foi publicada em 03 de julho de 2019 a Resolução do Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) nº 146, de 26 de junho de 2019, que regulamentou a possibilidade de as empresas excluídas do Simples Nacional em 1º de janeiro de 2018 poderem realizar nova opção por esse regime. A nova opção foi autorizada de forma extraordinária pela Lei Complementar nº 168, publicada em 12 de junho de 2019.

Fonte: Agência Brasil

Pensamento do dia


 

Fonte: Semel - Agência Brasil

Prefeitura de Teresina antecipação 13º salário dos servidores; Caixa paga hoje 13º do Bolsa Família Semel - Copa Cidade Verde Sub-13 hoje no Lindolfo Monteiro - Pela 2ª vez o Projeto Rondon chega ao Piauí