1. Blogs
  2. Espaço Forrozeiro
  3. Comentário de Márcia Fellipe sobre Irmã Dulce viraliza e cantora é detonada nas redes sociais
Publicidade

Comentário de Márcia Fellipe sobre Irmã Dulce viraliza e cantora é detonada nas redes sociais

A cantora Márcia Fellipe está sofrendo uma série de ataques e críticas em relação ao seu comentário sobre a canonização da Irmã Dulce. Por conta da polêmica, a artista desativou os comentários em suas últimas publicações no Instagram. 

Márcia Fellipe crítica canonização de Irmã Dulce e repercute na internet (Fotos: divulgação)

No último domingo (13), a artista comentou em uma postagem da TV Globo no Instagram: “Ajudar o próximo, sim! Mas não faz nenhum ser humano ser ‘santo’. Santo só o senhor Jesus Cristo. Não se deixem enganar (leiam a Bíblia). ‘E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará’. João 8:32”, disse. 

Artista fez comentário em uma postagem da TV Globo (Foto: divulgação)

O comentário de Márcia Fellipe sobre o assunto gerou uma imensa repercussão nas redes sociais. Muitos internautas acusaram a cantora de intolerância religiosa. “Cadê o respeito pela religião dos outros?!”, questionou um internauta.“Quem é você para dizer o que é certo ou errado se dança nua no palco?”, escreveu outro internauta. 

Ainda na noite de domingo (13), Márcia Fellipe se explicou por meio de uma live no Instagram. A artista afirmou que nenhum momento estava criticando alguma religião. 

“Hoje, eu sou a pior de todo o mundo. Se botar o mundo todo, eu sou o pior ser humano. Sou a mais pecadora de todas, mas eu tenho buscado e espero que eu possa nascer de novo em Cristo. Que isso fique claro pra todo mundo. Não tenho intenção de ofender ninguém. Aqui no nosso país tem disso. Eu, que não sou nem subcelebridade, trabalho para sustentar meus filhos. Canto para sustentar minha casa. Eu não almejo ser renomada, ser isso ou aquilo. Quem trabalha comigo me conhece. Não tenho essa vaidade. Sou grata Deus por ele abrir as portas. Grato aos que vão aos meus shows", disse.

Márcia Fellipe gravará novo DVD no próximo sábado em Fortaleza (Foto: divulgação)

Muitos internautas cobraram um posicionamento de Márcia, que não se pronunciou mais sobre o assunto. A cantora se prepara agora para a gravação de um novo DVD que irá ocorrer no próximo sábado (19) em Fortaleza, no Ceará.

Santa Dulce dos Pobres

É assim que Irmã Dulce passa a ser chamada após a cerimônia de canonização que a tornou santa no últomo domingo (13) na Praça de São Pedro, no Vaticano. A santa, conhecida popularmente como Anjo Bom da Bahia, foi uma das religiosas mais populares do Brasil graças ao trabalho social prestado aos mais pobres e necessitados, principalmente na Bahia.

Canonização reconhece trabalho social da beata baiana (Acervo Irmã Dulce)

O Vaticano considera que Santa Dulce dos Pobres é a primeira santa brasileira. Embora outras brasileiras e uma religiosa que atuou no país tenham sido canonizadas pela Igreja Católica anteriormente, irmã Dulce é a primeira mulher nascida no Brasil que teve milagres reconhecidos.

A cantora Márcia Fellipe está sofrendo uma série de ataques e críticas em relação ao seu comentário sobre a canonização da Irmã Dulce. Por conta da polêmica, a artista desativou os comentários em suas últimas publicações no Instagram. 

Márcia Fellipe crítica canonização de Irmã Dulce e repercute na internet (Fotos: divulgação)

No último domingo (13), a artista comentou em uma postagem da TV Globo no Instagram: “Ajudar o próximo, sim! Mas não faz nenhum ser humano ser ‘santo’. Santo só o senhor Jesus Cristo. Não se deixem enganar (leiam a Bíblia). ‘E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará’. João 8:32”, disse. 

Artista fez comentário em uma postagem da TV Globo (Foto: divulgação)

O comentário de Márcia Fellipe sobre o assunto gerou uma imensa repercussão nas redes sociais. Muitos internautas acusaram a cantora de intolerância religiosa. “Cadê o respeito pela religião dos outros?!”, questionou um internauta.“Quem é você para dizer o que é certo ou errado se dança nua no palco?”, escreveu outro internauta. 

Ainda na noite de domingo (13), Márcia Fellipe se explicou por meio de uma live no Instagram. A artista afirmou que nenhum momento estava criticando alguma religião. 

“Hoje, eu sou a pior de todo o mundo. Se botar o mundo todo, eu sou o pior ser humano. Sou a mais pecadora de todas, mas eu tenho buscado e espero que eu possa nascer de novo em Cristo. Que isso fique claro pra todo mundo. Não tenho intenção de ofender ninguém. Aqui no nosso país tem disso. Eu, que não sou nem subcelebridade, trabalho para sustentar meus filhos. Canto para sustentar minha casa. Eu não almejo ser renomada, ser isso ou aquilo. Quem trabalha comigo me conhece. Não tenho essa vaidade. Sou grata Deus por ele abrir as portas. Grato aos que vão aos meus shows", disse.

Márcia Fellipe gravará novo DVD no próximo sábado em Fortaleza (Foto: divulgação)

Muitos internautas cobraram um posicionamento de Márcia, que não se pronunciou mais sobre o assunto. A cantora se prepara agora para a gravação de um novo DVD que irá ocorrer no próximo sábado (19) em Fortaleza, no Ceará.

Santa Dulce dos Pobres

É assim que Irmã Dulce passa a ser chamada após a cerimônia de canonização que a tornou santa no últomo domingo (13) na Praça de São Pedro, no Vaticano. A santa, conhecida popularmente como Anjo Bom da Bahia, foi uma das religiosas mais populares do Brasil graças ao trabalho social prestado aos mais pobres e necessitados, principalmente na Bahia.

Canonização reconhece trabalho social da beata baiana (Acervo Irmã Dulce)

O Vaticano considera que Santa Dulce dos Pobres é a primeira santa brasileira. Embora outras brasileiras e uma religiosa que atuou no país tenham sido canonizadas pela Igreja Católica anteriormente, irmã Dulce é a primeira mulher nascida no Brasil que teve milagres reconhecidos.

Anderson Rodrigues anuncia lançamento do clipe ‘Era eu’ Márcia Fellipe anuncia gravação de DVD Retrô