1. Blogs
  2. Opinião
  3. Pescando Aguapés
Publicidade

Pescando Aguapés

Seria uma injustificada omissão , não registrarmos o que acaba de ser veiculado no noticioso PITV primeira edição da afiliada da Rede Globo no Piauí.

O repórter Marcos Teixeira, mostrou o nível de poluição que ocorre anualmente nos meses do b-r-o-bró, no leito do Rio Poty, quando um ‘Belo’ tapete verde se estende por toda a extensão da zona leste da cidade. 

O diretor de sustentabilidade  da sub-concessionária do sistema de Águas e esgotos, disse que a Águas de Teresina pretende investir ao longo dos próximos trinta anos, mais de R$ 1 bilhão só em redes de esgotos. O que a empresa está fazendo agora , para diminuir a poluição do Rio Poty, nenhuma palavra. 

Marcos Teixeira ouviu também, o Secretário Municipal de Meio Ambiente que, numa fala confusa , disse estar rompendo um contrato que mantém com uma empresa para retirada dos Aguapés e concomitantemente convocará os pescadores do Rio Poty, atualmente proibidos de exercerem as suas atividades em decorrência do período do defeso, para através de uma remuneração devida, limparem o leito do Rio Poty. 

O ilustre secretário, esqueceu de dizer que tipo de equipamento os pescadores irão utilizar. 

Serão os próprios anzóis que utilizam , quando estão na sua faina diária? 

É isso.

Seria uma injustificada omissão , não registrarmos o que acaba de ser veiculado no noticioso PITV primeira edição da afiliada da Rede Globo no Piauí.

O repórter Marcos Teixeira, mostrou o nível de poluição que ocorre anualmente nos meses do b-r-o-bró, no leito do Rio Poty, quando um ‘Belo’ tapete verde se estende por toda a extensão da zona leste da cidade. 

O diretor de sustentabilidade  da sub-concessionária do sistema de Águas e esgotos, disse que a Águas de Teresina pretende investir ao longo dos próximos trinta anos, mais de R$ 1 bilhão só em redes de esgotos. O que a empresa está fazendo agora , para diminuir a poluição do Rio Poty, nenhuma palavra. 

Marcos Teixeira ouviu também, o Secretário Municipal de Meio Ambiente que, numa fala confusa , disse estar rompendo um contrato que mantém com uma empresa para retirada dos Aguapés e concomitantemente convocará os pescadores do Rio Poty, atualmente proibidos de exercerem as suas atividades em decorrência do período do defeso, para através de uma remuneração devida, limparem o leito do Rio Poty. 

O ilustre secretário, esqueceu de dizer que tipo de equipamento os pescadores irão utilizar. 

Serão os próprios anzóis que utilizam , quando estão na sua faina diária? 

É isso.

Ódio e Assembleia Constituinte Quem faz o pão...