1. Blogs
  2. Murilo Noleto
  3. Hipocrisia, uma das nossas mazelas
Publicidade

Hipocrisia, uma das nossas mazelas

A Rede Globo de Televisão, dias sim, outros também é acusada por uma das partes da polarização que tomou de conta do país, de ser partidária.

Bolsonaro e os seus três zeros à esquerda, diariamente veiculam em todas as plataformas digitais possíveis e até mesmo nas TVs, que o Sistema Globo de Televisão trabalha diuturnamente para apeá-los do poder.

Por outro lado , o ex-presidente Lula, desde o escândalo do mensalão, investe contra a Rede Globo- e a última vez foi na tarde de ontem ao deixar à prisão em Curitiba- vociferando o mesmo rarme-rame, de perseguição sem trégua ao Lulismo.

Outra hipocrisia que assistimos no cotidiano nacional, é esse comportamento de quase todos os segmentos da imprensa a dar de ombros sobre o provável ACÓRDÃO, celebrado entre o presidente do STF Dias Toffoli e o presidente Bolsonaro, para que a prisão em segunda instância deixasse de ser cumprida para ladrões dos impostos que pagamos.

 Essa decisão do STF da última quinta-feira , dá tranquilidade à família Bolsonaro e proporciona o retorno de Lula à cena política nacional, sonho de consumo de Bolsonaro, para que ambos pratiquem diariamente o esporte em que são verdadeiros craques, o estapeamento verbal.

Em menos de vinte e quatro horas após sair da cadeia, Lula e Bolsonaro já trocaram “gentilezas “ várias.

E o país ,com seu exército de 13 milhões de desempregados , com um terço de sua população sobrevivendo abaixo da linha da pobreza, vindo o Estado do Piaui, ano após ano, segundo o IBGE-Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística- apresentando os piores índices socioeconômicos, onde mais de quarenta por cento de sua população, se situa entre a extrema pobreza e a miséria absoluta, e a sua classe dirigente por outro lado, vivendo na opulência, como verdadeiros nababos a “desfrutar”; do melhor dos mundos às custas dos impostos escorchantes  pagos por cada um dos Piauienses.

É isso.

A Rede Globo de Televisão, dias sim, outros também é acusada por uma das partes da polarização que tomou de conta do país, de ser partidária.

Bolsonaro e os seus três zeros à esquerda, diariamente veiculam em todas as plataformas digitais possíveis e até mesmo nas TVs, que o Sistema Globo de Televisão trabalha diuturnamente para apeá-los do poder.

Por outro lado , o ex-presidente Lula, desde o escândalo do mensalão, investe contra a Rede Globo- e a última vez foi na tarde de ontem ao deixar à prisão em Curitiba- vociferando o mesmo rarme-rame, de perseguição sem trégua ao Lulismo.

Outra hipocrisia que assistimos no cotidiano nacional, é esse comportamento de quase todos os segmentos da imprensa a dar de ombros sobre o provável ACÓRDÃO, celebrado entre o presidente do STF Dias Toffoli e o presidente Bolsonaro, para que a prisão em segunda instância deixasse de ser cumprida para ladrões dos impostos que pagamos.

 Essa decisão do STF da última quinta-feira , dá tranquilidade à família Bolsonaro e proporciona o retorno de Lula à cena política nacional, sonho de consumo de Bolsonaro, para que ambos pratiquem diariamente o esporte em que são verdadeiros craques, o estapeamento verbal.

Em menos de vinte e quatro horas após sair da cadeia, Lula e Bolsonaro já trocaram “gentilezas “ várias.

E o país ,com seu exército de 13 milhões de desempregados , com um terço de sua população sobrevivendo abaixo da linha da pobreza, vindo o Estado do Piaui, ano após ano, segundo o IBGE-Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística- apresentando os piores índices socioeconômicos, onde mais de quarenta por cento de sua população, se situa entre a extrema pobreza e a miséria absoluta, e a sua classe dirigente por outro lado, vivendo na opulência, como verdadeiros nababos a “desfrutar”; do melhor dos mundos às custas dos impostos escorchantes  pagos por cada um dos Piauienses.

É isso.

Urgência, uma roubada O crime no Brasil é tão organizado, que o seu departamento jurídico é o STF