1. Colunas
  2. Arimatéia Azevedo
  3. O risco dos protestos
Publicidade

O risco dos protestos

Nunca como agora é acertado o ditado popular segundo o qual o risco que corre o pau, corre o machado. As manifestações que grupos ligados ao presidente Bolsonaro convocam para apoia-lo, criando um clima de animosidade com o Legislativo e o Judiciário, podem resultar em um fiasco, mesmo que haja grande volume de público. Se a adesão for pequena, Bolsonaro perde ainda mais força e se for grandes pode e certamente deverá fazer com que haja uma reação institucional forte o bastante contra o que muitos enxergam de modo alarmista como ação golpista ou, de forma mais sensata, como meio do governo de colocar um garrote vil em magistrados e congressistas.  Os movimentos de Bolsonaro e seu entorno evidenciam, porém, o pouco apego desses grupos ao princípio elementar de uma democracia, o de que os poderes são autônomos e atuam em harmonia. Se há uma quebra desse principio ou se a rua é chamada contra um ou outro poder, evidentemente que se tem um problema, não uma solução. Daí porque, movimentos que antes apoiavam intensamente o presidente agora se esquivam de apoiar as manifestações de domingo certamente enxergam um risco para todos, porque o que está por vir envolve desde um risco de aprofundar a crise política até de uma lambança que tornará o presidente menor a cada dia.

Fábio Novo conversa com o governador e diz que tá satisfeito com o que tem no governo (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Concurso

Uma comissão especial criada ontem na Prefeitura de Teresina vai organizar e realizar concurso público para seleção de seis procuradores municipais. Também serão selecionados 62 servidores de várias áreas para o Instituto de Previdência do Município e 10 servidores da Fundação Wall Ferraz.

Utilidade

Fundada 40 anos atrás, em 1979, a Associação Piauiense de Município somente teve reconhecida a sua utilidade pública agora, por iniciativa dos deputados Themístocles Filho (MDB) e Georgiano Neto (PSD). Projeto dos dois neste sentido virou lei no dia 16 de maio.

Remoção

Avelino Medeiros, que deixou a direção da Agência de Tecnologia da Informação, é agora o diretor de Unidade de Controle, Avaliação, Regulação e Auditoria, da Secretaria de Saúde.

Assim é ótimo!

Mesmo com a recorrente queixa de que há efetivo de menos para serviço demais, a Polícia Civil dá-se o luxo de enviar dez policiais para trabalhar na Copa América.
Acaba não, mundão

Assim é ótimo 2! 

Enquanto isso, tem delegacias na capital fechando o plantão por falta de policial. 
Fala aí, Abreu.

Comigo não!

O deputado estadual Fábio Novo (PT) reuniu-se com o governador Wellington Dias (PT), quando teria rechaçado o convite para retornar ao comando da Secretaria de Cultura. Segundo ele, a conversa foi em outro rumo.

Sai pra lá

Além de recusar o convite, o petista disse ainda que não gostou nem um pouco de ter sido um apontado com um “problema” para a acomodação de Belê Medeiros (PP) na Alepi e tampouco foi procurado por Júlio Arcoverde, presidente estadual do Progressistas, cujo retorno à Alepi custou a vaga da sobrinha de Gil Paraibano. “Esse problema não fui eu quem criei”, disse.

E tinha que falar?

Questionado sobre as declarações do petista, o deputado Júlio Arcoverde disse que Fábio Novo é quem anda doido para ser chamado pelo governador para ser secretário, porém, o governador não o chamou e disse ainda que não deve satisfações ao petista. “Ah e eu tinha que falar pra ele?”, questionou Júlio.

Ruído

Enquanto Fábio se esfalfava em desmentir que voltaria para a Secult, seu colega de bancada, Franzé Silva, confirmava o retorno dele ao comando da pasta.

Tem promessa

O deputado estadual Pastor Gessivaldo Isaías (PRB) foi outro a reunir-se com o Wellington Dias no Palácio de Karnak. Foi lá para saber se teria direito a indicar cargo no governo. Saiu de mãos abanando e com um sorriso amarelo no rosto.

Me dá, me dá!

O deputado disse que vai aguardar os agrados palacianos e, mesmo sem a promessa, a expectativa do partido do pastor deputado é indicar a direção do Sine (Sistema Nacional de Empregos), no Piauí, órgão vinculado à nova Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos, terreiro do emedebista Zé Santana.

Apressado come...

O suplente de vereador, Renato Berger, disse pela manhã em entrevista à imprensa na Câmara Municipal de Teresina que iria reassumir o comando da Semel após a saída de Júlio Arcoverde.
Já no período da tarde, o prefeito Firmino Filho anunciou o nome de Miguel Rosal para o comando da pasta. Por isso que às vezes é melhor ficar calado.

Outros planos

O ex-secretário de justiça, Daniel Oliveira, negou que esteja em campanha para se lançar candidato a vereador no próximo ano pelo PT. O petista que voltou a advogar disse que está mesmo é empenhado em soltar o ex-presidente Lula.
“Estou convicto que em breve nosso recurso será provido e estaremos com o ex-presidente solto” diz ele confirmando que a única campanha que está fazendo é a de Lula Livre.

Ping-Pong
Ela é muito nova!

Do alto da sua lucidez e irreverência, o ex-deputado Elias Ximenes do Prado completa 91 anos de idade e a família preocupada, contrata uma senhora pra dormir com ele. Elias vai se queixar a um filho.

Elias: “Essa eu não quero dormindo comigo, não!”
O filho: “Por que?” 
Elias: “É muito nova, pode aparecer grávida e será um escândalo”.

Publicada originalmente em 17 de setembro de 2016.

Expressas

Sérgio Vilela segue Diretor de Gestão das Câmaras Setoriais, da Secretaria do Desenvolvimento Econômico.

Diante da paixão do ex-presidente e de anúncio de que ele vai casar-se, o pessoal já se apressa em dizer que o casamento encerra a hastag #lulalivre.

A Prefeitura aprovou um loteamento na região do Polo Empresarial Norte. Não se sabe será residencial ou para fins empresariais.

Nunca como agora é acertado o ditado popular segundo o qual o risco que corre o pau, corre o machado. As manifestações que grupos ligados ao presidente Bolsonaro convocam para apoia-lo, criando um clima de animosidade com o Legislativo e o Judiciário, podem resultar em um fiasco, mesmo que haja grande volume de público. Se a adesão for pequena, Bolsonaro perde ainda mais força e se for grandes pode e certamente deverá fazer com que haja uma reação institucional forte o bastante contra o que muitos enxergam de modo alarmista como ação golpista ou, de forma mais sensata, como meio do governo de colocar um garrote vil em magistrados e congressistas.  Os movimentos de Bolsonaro e seu entorno evidenciam, porém, o pouco apego desses grupos ao princípio elementar de uma democracia, o de que os poderes são autônomos e atuam em harmonia. Se há uma quebra desse principio ou se a rua é chamada contra um ou outro poder, evidentemente que se tem um problema, não uma solução. Daí porque, movimentos que antes apoiavam intensamente o presidente agora se esquivam de apoiar as manifestações de domingo certamente enxergam um risco para todos, porque o que está por vir envolve desde um risco de aprofundar a crise política até de uma lambança que tornará o presidente menor a cada dia.

Fábio Novo conversa com o governador e diz que tá satisfeito com o que tem no governo (Foto: Lucas Sousa / Portal AZ)

Concurso

Uma comissão especial criada ontem na Prefeitura de Teresina vai organizar e realizar concurso público para seleção de seis procuradores municipais. Também serão selecionados 62 servidores de várias áreas para o Instituto de Previdência do Município e 10 servidores da Fundação Wall Ferraz.

Utilidade

Fundada 40 anos atrás, em 1979, a Associação Piauiense de Município somente teve reconhecida a sua utilidade pública agora, por iniciativa dos deputados Themístocles Filho (MDB) e Georgiano Neto (PSD). Projeto dos dois neste sentido virou lei no dia 16 de maio.

Remoção

Avelino Medeiros, que deixou a direção da Agência de Tecnologia da Informação, é agora o diretor de Unidade de Controle, Avaliação, Regulação e Auditoria, da Secretaria de Saúde.

Assim é ótimo!

Mesmo com a recorrente queixa de que há efetivo de menos para serviço demais, a Polícia Civil dá-se o luxo de enviar dez policiais para trabalhar na Copa América.
Acaba não, mundão

Assim é ótimo 2! 

Enquanto isso, tem delegacias na capital fechando o plantão por falta de policial. 
Fala aí, Abreu.

Comigo não!

O deputado estadual Fábio Novo (PT) reuniu-se com o governador Wellington Dias (PT), quando teria rechaçado o convite para retornar ao comando da Secretaria de Cultura. Segundo ele, a conversa foi em outro rumo.

Sai pra lá

Além de recusar o convite, o petista disse ainda que não gostou nem um pouco de ter sido um apontado com um “problema” para a acomodação de Belê Medeiros (PP) na Alepi e tampouco foi procurado por Júlio Arcoverde, presidente estadual do Progressistas, cujo retorno à Alepi custou a vaga da sobrinha de Gil Paraibano. “Esse problema não fui eu quem criei”, disse.

E tinha que falar?

Questionado sobre as declarações do petista, o deputado Júlio Arcoverde disse que Fábio Novo é quem anda doido para ser chamado pelo governador para ser secretário, porém, o governador não o chamou e disse ainda que não deve satisfações ao petista. “Ah e eu tinha que falar pra ele?”, questionou Júlio.

Ruído

Enquanto Fábio se esfalfava em desmentir que voltaria para a Secult, seu colega de bancada, Franzé Silva, confirmava o retorno dele ao comando da pasta.

Tem promessa

O deputado estadual Pastor Gessivaldo Isaías (PRB) foi outro a reunir-se com o Wellington Dias no Palácio de Karnak. Foi lá para saber se teria direito a indicar cargo no governo. Saiu de mãos abanando e com um sorriso amarelo no rosto.

Me dá, me dá!

O deputado disse que vai aguardar os agrados palacianos e, mesmo sem a promessa, a expectativa do partido do pastor deputado é indicar a direção do Sine (Sistema Nacional de Empregos), no Piauí, órgão vinculado à nova Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos, terreiro do emedebista Zé Santana.

Apressado come...

O suplente de vereador, Renato Berger, disse pela manhã em entrevista à imprensa na Câmara Municipal de Teresina que iria reassumir o comando da Semel após a saída de Júlio Arcoverde.
Já no período da tarde, o prefeito Firmino Filho anunciou o nome de Miguel Rosal para o comando da pasta. Por isso que às vezes é melhor ficar calado.

Outros planos

O ex-secretário de justiça, Daniel Oliveira, negou que esteja em campanha para se lançar candidato a vereador no próximo ano pelo PT. O petista que voltou a advogar disse que está mesmo é empenhado em soltar o ex-presidente Lula.
“Estou convicto que em breve nosso recurso será provido e estaremos com o ex-presidente solto” diz ele confirmando que a única campanha que está fazendo é a de Lula Livre.

Ping-Pong
Ela é muito nova!

Do alto da sua lucidez e irreverência, o ex-deputado Elias Ximenes do Prado completa 91 anos de idade e a família preocupada, contrata uma senhora pra dormir com ele. Elias vai se queixar a um filho.

Elias: “Essa eu não quero dormindo comigo, não!”
O filho: “Por que?” 
Elias: “É muito nova, pode aparecer grávida e será um escândalo”.

Publicada originalmente em 17 de setembro de 2016.

Expressas

Sérgio Vilela segue Diretor de Gestão das Câmaras Setoriais, da Secretaria do Desenvolvimento Econômico.

Diante da paixão do ex-presidente e de anúncio de que ele vai casar-se, o pessoal já se apressa em dizer que o casamento encerra a hastag #lulalivre.

A Prefeitura aprovou um loteamento na região do Polo Empresarial Norte. Não se sabe será residencial ou para fins empresariais.

Comida boa e saudável Obras paradas