Recorde na arrecadação leva servidores a pedir pressa na negociação salarial

Em 2023, o Piauí ficou em 1º lugar do Brasil  no aumento das arrecadações tributárias próprias

Por Redação do Portal AZ,

O Piauí fechou o ano com mais R$ 7,8 bilhões arrecadado, tendo um crescimento de 17,16%, segundo dados do Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ).

Para o Sindicato dos Agentes de Tributos da Fazenda Estadual do Piauí (SINATFISCO), os dados financeiros do Estado são bastante favoráveis para que o servidor possa ser atendido com um aumento razoável.

Foto: ReproduçãoReunião SINATFISCO
Reunião SINATFISCO

E o ano de 2024 começou com alta na arrecadação estadual, batendo um recorde, de acordo com o SINATFISCO. “Em janeiro de 2024 tivemos a maior arrecadação da história da SEFAZ, batendo pela primeira vez a cifra de 1 bilhão de reais, 33% superior à de janeiro do ano passado”, ressalta Augusto Muller, presidente do SINATFISCO.

Foto: ReproduçãoAumento das principais receitas do Piauí
Aumento das principais receitas do Piauí

Outra notícia importante é a publicação, no Diário Oficial de 30 de janeiro, do demonstrativo da despesa com pessoal (LRF) do Poder Executivo do Estado do Piauí, referente ao 3º quadrimestre de 2023. Nele consta o percentual de 40,15% de despesa com pessoal em relação à receita corrente líquida, sendo que este percentual poderia chegar ao valor máximo de 49%.

“Portanto, observa-se que o Governo do Estado possui uma boa margem na folha de pagamento para conceder reajuste salarial às categorias de servidores estaduais, não podendo alegar crise financeira para implementar esse direito consagrado pela Constituição Federal”, finaliza o presidente Müller.

Fonte: SINATFISCO

Comente

Pequisar