Maior conteúdo pornográfico do Brasil é apreendido em lan house no Piauí

Cerca de três mil cds com conteúdo pornográfico foram apreendidos no local , durante operação.

(Atualizada às 14h50)

A “Operação Luz na Infância 2” em combate à pedofilia, deflagrada na manhã desta quinta-feira (17) já realizou sete prisões em flagrante e delito, sendo quatro em Teresina, duas em Luís Correia e uma em Parnaíba.

Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ
Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ

Em Luís Correia foi flagrado o maior volume de dados do Brasil. Cerca de três mil cds foram apreendidos em um local que funcionava como lan house e locadora. O material será periciado pelo serviço de inteligência da Polícia Civil. Os proprietários do local, dois irmãos que não tiveram os nomes revelados, foram presos em flagrante.

Na capital, um vigilante do Museu de Arte Sacra também foi preso em flagrante com conteúdo pornográfico em seu computador. A investigação descobriu que esses dados eram acessados durante o plantão do funcionário.

Delegado Carlos César (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)
Delegado Carlos César (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

O chefe do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil do Piauí, delegado Carlos César ressalta a complexidade e abragência do caso. 

“As prisões não apresentam um padrão, temos idosos presos, jovens, pessoas com curso superior, vigilantes, um perfil muito diverso, já as vítimas são do mundo todo, temos vídeos gravados na Europa, Ásia, no Brasil, esses vídeos são lançados na rede mundial de computadores e vão para softwares que permitem o compartilhamento entre usuários”, explica o delegado.  

Delegada Kátya Esteves (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)
Delegada Kátya Esteves (Foto: Wilson Nanaia / Portal AZ)

A titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, delegada Kátia Esteves explica que essa é a segunda etapa da Operação Luz da Infância. A primeira deflagrada em 20 de outubro de 2017 teve cumprimento de 157 mandados de busca e apreensão em computadores e arquivos digitais.

A delegada ainda informa que o inquérito será concluído e todo o material recolhido será analisado e periciado para ser encaminhado à Justiça Federal. 

Operação Luz da Infância

A operação foi deflagrada na manhã nesta quinta-feira (17). A ação de combate à pedofilia acontece em todo o país, e no Piauí, estão sendo cumpridos 15 mandados de busca e apreensão, sendo 11 em Teresina, três em Parnaíba e um na cidade de Itainópolis. Durante a operação, suspeitos também estão sendo detidos em flagrante. Até o momento, sete pessoas foram presas.

As equipes procuram arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. A força-tarefa é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP) e ocorre desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira, num total de 24 estados, além do Distrito Federal.

Os alvos da operação foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Dint/Senasp/MESP) e Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Piauí com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva.

Na primeira edição da Operação Luz na Infância, realizada em 20 de outubro de 2017, foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. Durante a apreensão desses materiais nos 24 estados e DF, foram identificadas e presas 112 pessoas que utilizavam esses equipamentos para produzir, guardar ou compartilhar conteúdos de pedofilia na internet.

Mais lidas nesse momento