1. Editorias
  2. Meio Ambiente
  3. Assembleia aprova projeto de lei que cria Rota das Cachoeiras do Piauí
Publicidade

Assembleia aprova projeto de lei que cria Rota das Cachoeiras do Piauí

Projeto segue para a Comissão de Meio Ambiente e depois para votação em plenário

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou nesta quarta-feira (2) o Projeto de Lei que prevê a criação da Rota das Cachoeiras do Piauí com a valorização das potencialidades nas áreas da gastronomia, turismo, ecoturismo, artesanato, transporte, agricultura familiar e economia local. Agora o projeto da deputada Flora Izabel segue para a Comissão de Meio Ambiente e depois para votação em plenário.


Foto: divulgação

Segundo a deputada, haverá um roteiro integrado com a participação de prefeituras, das instituições do Piauí voltadas para a área de incentivo ao turismo e ao meio ambiente, do Sistema S, e da iniciativa privada com atividades de transporte, restaurantes e hoteleira. A rota inclui os municípios de Esperantina, Piracuruca, Batalha, Piripiri, Pedro II, Campo Maior, Juazeiro do Piauí, Jatobá do Piauí, Castelo do Piauí, Novo Santo Antônio e Alto Longá com cachoeiras mapeadas pelo Governo do Estado, bem como outros municípios onde sejam descobertas novas cachoeiras.

“A criação da Rota das Cachoeiras vai ajudar o turista a explorar as belezas naturais desta rota cheia de atrativos que abrange regiões importantes do Piauí e proporcionará uma maior divulgação e aproveitamento das potencialidades dos municípios onde se localizam as cachoeiras”, disse Flora.

A rota visa garantir aos visitantes experiências inesquecíveis nas áreas da gastronomia, do artesanato, das tradições culturais, da agricultura familiar e uma vivência cultural em comunidades abrangidas que têm um estilo de vida bastante peculiar; e que vão enriquecer as experiências dos turistas.

As cachoeiras mapeadas pelo Governo do Estado são a Campeira (Alto Longá), Coruja, Lagoa Grande, Roça Velha e Rosário (Novo Santo Antônio), Lembrada e Tingidor (Juazeiro do Piauí), Arraias e Covão (Castelo do Piauí), Furnas (Jatobá do Piauí), Bica e Pedra Negra (Campo Maior), Salto Liso e Urubu Rei (Pedro II), Bota Fora (Piripiri), Riachão (Piracuruca), Chichá (Batalha) e Urubu (Esperantina).

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou nesta quarta-feira (2) o Projeto de Lei que prevê a criação da Rota das Cachoeiras do Piauí com a valorização das potencialidades nas áreas da gastronomia, turismo, ecoturismo, artesanato, transporte, agricultura familiar e economia local. Agora o projeto da deputada Flora Izabel segue para a Comissão de Meio Ambiente e depois para votação em plenário.


Foto: divulgação

Segundo a deputada, haverá um roteiro integrado com a participação de prefeituras, das instituições do Piauí voltadas para a área de incentivo ao turismo e ao meio ambiente, do Sistema S, e da iniciativa privada com atividades de transporte, restaurantes e hoteleira. A rota inclui os municípios de Esperantina, Piracuruca, Batalha, Piripiri, Pedro II, Campo Maior, Juazeiro do Piauí, Jatobá do Piauí, Castelo do Piauí, Novo Santo Antônio e Alto Longá com cachoeiras mapeadas pelo Governo do Estado, bem como outros municípios onde sejam descobertas novas cachoeiras.

“A criação da Rota das Cachoeiras vai ajudar o turista a explorar as belezas naturais desta rota cheia de atrativos que abrange regiões importantes do Piauí e proporcionará uma maior divulgação e aproveitamento das potencialidades dos municípios onde se localizam as cachoeiras”, disse Flora.

A rota visa garantir aos visitantes experiências inesquecíveis nas áreas da gastronomia, do artesanato, das tradições culturais, da agricultura familiar e uma vivência cultural em comunidades abrangidas que têm um estilo de vida bastante peculiar; e que vão enriquecer as experiências dos turistas.

As cachoeiras mapeadas pelo Governo do Estado são a Campeira (Alto Longá), Coruja, Lagoa Grande, Roça Velha e Rosário (Novo Santo Antônio), Lembrada e Tingidor (Juazeiro do Piauí), Arraias e Covão (Castelo do Piauí), Furnas (Jatobá do Piauí), Bica e Pedra Negra (Campo Maior), Salto Liso e Urubu Rei (Pedro II), Bota Fora (Piripiri), Riachão (Piracuruca), Chichá (Batalha) e Urubu (Esperantina).