1. Editorias
  2. Cidades
  3. Motoristas de ônibus na zona Sudeste deflagram greve por tempo indeterminado
Publicidade

Motoristas de ônibus na zona Sudeste deflagram greve por tempo indeterminado

De acordo com o sindicato, a classe reivindica contra o descumprimento da convenção coletiva de trabalho

Motoristas e cobradores da empresa Santa Cruz decidiram nesta sexta-feira (17) manter greve por prazo indeterminado.  A decisão foi tomada durante reunião na manhã de hoje com representantes da empresa, do Setut e dos trabalhadores dos transportes coletivos que circulam na zona Sudeste de Teresina. 

A informação foi confirmada pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Rodoviário do Piauí (Sintetro-Piauí), Fernando Santos Feijão, que afirmou ainda que a classe reivindica contra o descumprimento da convenção coletiva de trabalho, contratação irregular de trabalhadores e o não pagamento de horas-extras. 

Fernando Santos Feijão, presidente do Sintetro-Piauí ( Foto: divulgação Sintetro-Piauí) 

“Desde o ano passado estamos tentando o diálogo com a empresa e com o Setut, mas até o momento nada foi resolvido. E hoje, mais uma vez depois de uma reunião, o problema continua sem solução. A categoria é contra a implantação dessa jornada de trabalho da empresa Santa Cruz, o que gera uma modalidade de contratação irregular e o não pagamento de horas-extras”, afirma Fernando Feijão. 

Ainda de acordo com o sindicalista, a convenção coletiva de trabalho é importante, pois regulariza todo o trabalho do profissional de transporte coletivo. “Questionamos da empresa Santa Cruz essa forma de agir com o trabalhador, pois temos a convenção coletiva de trabalho, que normatiza o serviço de todos aqueles que atuam na área do transporte coletivo. Apenas queremos que isso seja cumprido”, destaca o presidente do Sintetro-Piauí. 

Terminal de Integração Itararé( Foto: Wilson Nanaia/Portal AZ) 

A greve foi deflagrada na quinta-feira (16), depois de assembleia geral extraordinária, realizada ainda na sexta-feira (10). Os seis ônibus que fazem parte do Consórcio Urbanus seguem sem sair das garagens e os motoristas e cobradores em greve por tempo indeterminado. 

Motoristas e cobradores da empresa Santa Cruz decidiram nesta sexta-feira (17) manter greve por prazo indeterminado.  A decisão foi tomada durante reunião na manhã de hoje com representantes da empresa, do Setut e dos trabalhadores dos transportes coletivos que circulam na zona Sudeste de Teresina. 

A informação foi confirmada pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Rodoviário do Piauí (Sintetro-Piauí), Fernando Santos Feijão, que afirmou ainda que a classe reivindica contra o descumprimento da convenção coletiva de trabalho, contratação irregular de trabalhadores e o não pagamento de horas-extras. 

ddd

Fernando Santos Feijão, presidente do Sintetro-Piauí ( Foto: divulgação Sintetro-Piauí) 

“Desde o ano passado estamos tentando o diálogo com a empresa e com o Setut, mas até o momento nada foi resolvido. E hoje, mais uma vez depois de uma reunião, o problema continua sem solução. A categoria é contra a implantação dessa jornada de trabalho da empresa Santa Cruz, o que gera uma modalidade de contratação irregular e o não pagamento de horas-extras”, afirma Fernando Feijão. 

Ainda de acordo com o sindicalista, a convenção coletiva de trabalho é importante, pois regulariza todo o trabalho do profissional de transporte coletivo. “Questionamos da empresa Santa Cruz essa forma de agir com o trabalhador, pois temos a convenção coletiva de trabalho, que normatiza o serviço de todos aqueles que atuam na área do transporte coletivo. Apenas queremos que isso seja cumprido”, destaca o presidente do Sintetro-Piauí. 

eee

Terminal de Integração Itararé( Foto: Wilson Nanaia/Portal AZ) 

A greve foi deflagrada na quinta-feira (16), depois de assembleia geral extraordinária, realizada ainda na sexta-feira (10). Os seis ônibus que fazem parte do Consórcio Urbanus seguem sem sair das garagens e os motoristas e cobradores em greve por tempo indeterminado.